ECG Flashcards Preview

1. CARDIO > ECG > Flashcards

Flashcards in ECG Deck (52):
1

Ritmo SINUSAL

P POSITIVA >> DI, DII e AVF

NEGATIVA >> AVR

2

QUAIS SÃO as 12 derivações

6 periféricas
-Unipolares: AVL, AVR, AVF
-Bipolares: DI, DII, DIII

6 precordiais
-V1,V2,V3,V4,V5,V6

3

Parede septal

V1, V2

4

Parede anterior

V3, V4

5

Parede inferior

DICA: o que vai pro pé

DII, DIII, AVF

6

Anterior extenso

DICA: tudo em cima

V1 a V6, DI, AVL

7

parede posterior do coração

V7,V8

8

VENTRICULO DIREITO

V3R; V4R

9

1 quadrado menor=

1 quadrado maior=

1 mm

5 mm

10

Parede lateral

DI, AVL, V5, V6

11

Linhas horizontais (duração do impulso elétrico)

1 mm=
5 mm=

1 mm=0,04 segundos

5 mm=0,2 segundos

12

Parede antero septal

V1, V2, V3, V4

13

Linhas verticais (amplitude do impulso elétrico)

1 mm=

0,1 mv

14

Calibragem do ECG

1 mv=10 mm

N=25 mm/s

15

ONDAS P

 Representa a
 Duração
 Amplitude
 Eixo
 Morfologia

 Representa a despolarização de ambos os átrios.
 Duração: 0,06 a 0,10 segundos.
 Amplitude: até 2,5 mm.
 Eixo: 0 - 90 graus.
 Morfologia: arredondada e simétrica.

16

INTERVALO PR

- Medida do
- Duração
- Corresponde à

- Início da onda P até o início do
QRS.

- até 0,20 segundos.

- despolarização atrial+atraso da
passagem do impulso elétrico pelo nodo AV.

17

Parede antero lateral

V3, V4,V5,V6,DI,AVL

18

Complexo QRS

- Corresponde à
- Q,R,S não
- Duração
- A Amplitude varia de acordo
- Eixo elétrico
- É predominantemente negativo em precordiais

- Corresponde à despolarização dos ventrículos.
- Q,R,S não aparecem em todas as derivações.
- Duração menor que 0,12 segundos.
- A Amplitude varia de acordo com a derivação, eixo
elétrico, biotipo, idade do paciente.
- Eixo elétrico: entre 0° e +90°
- É predominantemente negativo em precordiais
direitas (V1,V2)-S>R.

19

Complexo QRS

- É predominantemente
- Em v3 ou v4, ocorre a chamada

- É predominantemente positivo em precordiais
esquerdas (v5,v6) - R>S.
- Em v3 ou v4, ocorre a chamada zona de
transição, onde a onda R começa a
predominar sobre a onda S.

20

BAV
geral

1º grau >> TODA P GERA 1 QRS

2º grau >> NEM TODA P GERA QRS

3º grau >> NENHUMA P GERA QRS

21

BAV 1º grau

iPR > 0,20 s (adultos e FC < 90 bpm)

i PR varia de acordo com a FC e a idade (tabelas)

22

BAV 2º grau

Mobitz tipo I (fenômeno de Wenckebach; wenckBOM)
iPR com aumento progressivo (avisa) até P bloqueada

Mobitz tipo II (não avisa) surge P bloqueada

2: 1 (2P para 1 QRS)

Avançado : < 50% de onda P gera QRS

23

BAV 3º grau
BAVT

P onde quer

24

Mobitz tipo II

claudicação súbita da condução

Condução AV 1:1 com intervalo PR fixo e, repentinamente, uma onda P bloqueada, seguida por nova condução AV 1:1 com PR semelhante aos anteriores

A freqüência da claudicação pode ser variável, por exemplo, 5:4, 4:3, 3:2.

25

LATERAL ALTA

D1, aVL

26

LATERAL BAIXA

V5, V6

27

Infarto anterior OU

isquemia de CD

28

INFARTO ANTERIOR
Conduta

Solicitar V3R, V4R, V7 e V8

29

BLOQUEI DE RAMO
- definição
- quais derivações analisar

- QRS > 3 quadradinhos

- V1/ D1/ V6

30

BRD
ECG

V1 : R' alargada

D1/ V6 : S alargada

31

BRE
ECG

V1 : S alargada

D1/ V6 : R alargada , Q ausente ou seja R pura

32

Padrão de bloqueio de ramo + QRS < 0,12

BLOQUEIO DE RAMO INCOMPLETO

33

BRD
Significado clínico

ISOLADO: NÃO aumenta chance de cardiopatia, nem prognóstico a longo prazo

Cardiopatias e pneumopatias podem se manifestar com BRD: HAS, DAC, IAM, cardiomiopatias, cardiopatias congênitas, cor pulmonale crônico ou agudo, doença de Lenégre ...

34

BRE no jovem e no idoso

JOVEM assintomático só 5% tem cardiopatia

IDOSO : 50% está associada à cardiopatia e disfunção de VE

35

BRE Significado clínico no idoso

50% está associada à cardiopatia e disfunção de VE

CARDIOPATIA hipertensivas, coronariana, valvopatia aórtica, doença de Lenégre...

BRE é preditor de MAU PROGNÓSTICO nesses pcts MORTALIDADE de 50% de causas CV em 10 anos

36

BR + IAM

BR NOVO os bloqueios de ramo NOVOS (surgiram pelo IAM), é preditor independente de mortalidade, pois está associado a MAIORES INFARTOS

AUMENTA RISCO DE BAVT (pp. BRD recente associado a hemibloqueio)

IAM anterosseptal e anterior extenso (extensão de injúria septal)

37

BR + BAVs

GRAVE DISTÚRBIOS DE CONDUÇÃO CARDÍACA

Risco de BAV avançado e morte súbita

Causas: doença de Lenégre e o IAM

38

Hemibloqueio Anterior Esquerdo (HBAE / BDASE)

Além de - 30

Entre - 30 e -120 graus

39

HBAE x HBPE

HBAE bem mais frequente que o Hemibloqueio Posterior Esquerdo (HBPE)

Pelo fato de ser mais fino e suscetível à lesão

40

PERIGO DOS HEMIBLOQUEIOS

Evolução para BAVT

Comum quando associa ao bloqueio de ramo (bloqueios bi e trifasciculares), pp. nos bloqueios "novos", na fase aguda do IAM.

41

-BRD + HBAE

(bifascicular) É a associação mais comum, vista nos coronariopatas, IAM, cardiomiopatia dilatada, mas PRINCIPALMENTE NO CHAGAS

42

-BRD + HBPE

(bifascicular)

43

-BRD + HBAE alternando com HBPE

(BRD com hemibloqueio alternante - trifascular)

44

-BRD alternando com BRE

(BR alternante - trifascicular)

45

Trifascular

Alta traxa de evolução para BAVT, especialmente em fase aguda de IAM

46

BRE teoricamente é

um "bloqueio bifascicular", pois implica no bloqueio dos dois fascículos esquerdos.

Porém, não possui uma chance tão alta como o BRD + HBAE de evoluir para BAVT, além do fato de podermos encontrar BRE + HBAE/HBPE, o que nos faz concluir que o BRE não é um bloqueio "completo", e sim um grande alentecimento de condução pelo ramo esquerdo.

47

CONDUTA

Bloqueios de ramo ou hemibloqueios ISOLADOS

Não necessitam de tratamento

BB NÃO SÃO CONTRA-INDICADOS!




48

CONDUTA

Bloqueios bifasciculares e pp. trifasciculares

PREOCUPAÇÃO MAIOR

Possibildiade de evolução para BAVT.

49

CONDUTA

Bloqueio trifasciculares ou bifascicular "novo", na fase aguda do IAM

Indica um MARCA-PASSO PROVISÓRIO.

50

eixo QRS normal

-30 ; + 90

51

SOBRECARGA DE VD

r > s em precordiais direitas
strain em precordiais direitas
penhalosa tranchesi
QRS p/ direita

52

SOBRECARGA DE AE
COMO OLHAR AE (derivação )

pega D2= P ampla e bífida (estenose aortica ?)
P ampla > 2,5 mm
P EM CORCOVA DE CAMELO