Epilepsia Flashcards Preview

Neurologia > Epilepsia > Flashcards

Flashcards in Epilepsia Deck (29)
Loading flashcards...
1

Diagnóstico epilepsia

Duas ou mais crises convulsivas não provocadas com intervalo superior a 24 horas entre elas

2

Definição epilepsia

Condição em que há recorrência de crises convulsivas, sem fator desencadeante percebível

3

Crises provocadas vs. não provocadas

Provocadas: gerada por insulto agudo ao SNC
Não provocadas: causa desconhecida ou por evento passado (p.e AVC)

4

Crises provocadas vs. não provocadas tratamento

Provocadas: tratar causa base
Não provocadas: anti-epilépticos

5

Crises focais e generalizadas - tratamento

Focais: carbamazepina, oxcarbazepina, fenitoína, fenobarbital, lamotrigina
Generalizadas: valproato, topiramato, lamotrigina

6

Droga proibida em crises generalizadas e de ausência por poder agravar

Carbamazepina

7

Focal parcial simples

Sem perda da consciência

8

Focal parcial complexa

Evolui com perda da consciência

9

Tipos de crise generalizada

Tônicas, clônicas, tônico-clônicas, mioclônicas, ausência, atônicas, espasmos infantis

10

Estado de mal epiléptico (EME) - definição

Crise convulsiva de duração superior a 30 minutos
Por razões práticas, considera-se crise superior a 5 minutos ou duas crises seguidas sem recuperação de consciência entre elas

11

Princípios do tratamento do estado de mal epiléptico

Suporte clínico
Reverter causa
Farmacoterapia

12

Farmacoterapia de escolha no EME

Diazepam 1 a 2mg/min EV ou midazolam IM se não houver acesso - administrar até duas vezes se necessário

13

Quando usar fenitoína no EME

Refratariedade a duas doses de BZP

14

Dose fenitoína no EME

15 a 20mg/kg, em bolus de até 50mg/min

15

Alternativas à fenitoína no EME

Valproato ou Fenobarbital

16

Refratariedade a BZP e aos anticonvulsivantes no EME

Sedar (midazolam propofol ou pentobarbital) e entubar

17

Causas de EME

Alteração no TTO epilepsia; abstinência ou intoxicação por substâncias; lesão SNC; infecção; alteração metabólica; uso de antibióticos

18

Principal causa de EME

Interrupção de medicação anti-epiléptica por conta própria do paciente

19

Prognóstico de crises epilépticas da infância (maioria)

Bom

20

Epilepsia de ausência da infância

Generalizada, com perda súbita da consciência por até 20 segundos, sem perda do tônus postural, sem sintoma pós-ictal, EEG com descargas espícula onda de 3Hz

21

Epilepsia mioclônica juvenil

Dos 13 aos 18 anos, com crises mioclônicas ou tônico-clônicas generalizadas, EEG com complexo poliespícula seguido por onda lenta de 4 a 6 Hz

22

Síndrome de West

Lactentes, com bom DNPM, seguido por involução do DNPM, espasmos em flexão / em extensão, EEG com hipsarritmia (sucessão contínua de ondas lentas e ponta, de grande amplitude e sem sincronia)

23

Síndrome de Lenox-Gastaut

Pré-escolar, com atraso de DNPM e retardo mental desde o início, vários tipos de crise (ausência, mioclônica, "drop attacks")

24

Desencadeante epilepsia de ausência da infância

Hiperventilação

25

Desencadeante epilepsia mioclônica juvenil

Fotoestimulação pp (estresse, álcool e privação de sono também)

26

Tratamento epilepsia de ausência da infância

Etossuximida (valproato segunda escolha)

27

Tratamento epilepsia mioclônica juvenil

Valproato (lamotrigina segunda escolha)

28

Tratamento Síndrome de West

Vigabatrina (ACTH ou GC segunda escolha)

29

Tratamento Síndrome de Lenox-Gastaut

Anticonvulsivantes - refratário à maioria