Investment Banking Flashcards Preview

Interviews > Investment Banking > Flashcards

Flashcards in Investment Banking Deck (20)
Loading flashcards...
1

Por que você tem interesse em estagiar em IB?

- Gosto muito de acompanhar nas notícias as transações de IB (fusões e aquisições, emissão de dívida, IPO) e de aprender sobre diferentes indústrias e setores
- e sei que o IB oferece uma curva de aprendizagem muito rápida e que a exposição que os juniors tem é muito grande, e isso me atrai bastante
- e também gostaria de me aprofundar em valuation e modelagem financeira, que são coisas que eu gosto bastante de estudar

2

IPO e quais suas vantagens?

Initial Public Offering. é abertura de uma empresa na bolsa.

Vantagens:
- Captação intensa de recursos (e diferentemente de um financiamento, ações não têm vencimento, nem preveem um retorno específico)
- Liquidez: possibilita a saída dos sócios (como PEs)
- Imagem: ao abrir o capital, a empresa precisa adequar seus processos internos e elevar tremendamente o nível de transparência sobre suas operações e resultado, e isso contribui para uma melhor reputação

3

Follow on

Uma oferta subsequente de ações, é o nome dado ao evento onde uma empresa que já possui capital aberto emite mais ações para serem negociadas no mercado.

4

Qual a diferença de uma fusão e de uma aquisição?

Fusão é a combinação de duas ou mais entidades empresariais, ou seja, duas ou mais organizações unem forças para se tornarem um novo negócio, geralmente com um novo nome. Exemplos brasileiros: BRF (Sadia + Perdigão), Itaú Unibanco (Itaú + Unibanco).

Aquisição: a aquisição ocorre quando a empresa adquirente obtém a participação majoritária numa empresa adquirida. Nesse caso, não há mudança no nome da adquirente ou de sua estrutura legal. Exemplos brasileiros: compra do HSBC pelo Bradesco; Itaúsa compra o controle majoritário da Alpagartas.

5

O que os bankers fazem?

Bankers advise companies on transactions – buying and selling other companies, and raising capital. They are “agents” that connect a company with the appropriate buyer, seller, or investor.

6

What’s in a pitch book?

It depends on the type of deal the bank is pitching for, but the most common structure is:
1. Bank “credentials” (similar deals they’ve done to “prove” their expertise).
2. Summary of a company’s options (“strategic alternatives” in banker-speak).
3. Valuation and appropriate financial models (for example, if you’re pitching for
an IPO you might show where the IPO proceeds would go).
4. Potential acquisition targets (buy-side M and A deal) or potential buyers (sell-side
M and A deal). This is not applicable for equity/debt deals.
5. Summary and key recommendations.

7

Como funciona um IPO?

1) First, you meet with the client and gather basic information – such as their financial details, an industry overview, and who their customers are.
2) Next, you meet with other bankers and the lawyers to draft the S-1 registration statement – which describes the company’s business and markets it to investors. You receive some comments from the SEC and keep revising the document until it’s acceptable.
3) Then, you spend a few weeks going on a “road show” where you present the company to institutional investors and convince them to invest. Afterwards, the company begins trading on an exchange once you’ve raised the capital from investors.

8

Walk me through a debt issuance deal.

It’s similar to the IPO process:
1. Meet with the client and gather basic financial, industry, and customer information.
2. Work closely with DCM / Leveraged Finance to develop a debt financing or LBO model for the company and figure out what kind of leverage, coverage ratios, and covenants might be appropriate.
3. Create an investor memorandum describing all of this.
4. Go out to potential debt investors and win commitments from them to finance the deal.

The main differences vs. an IPO: there are fewer banks involved, and you don’t need SEC approval to do any of this because debt is not sold to the “general public” but rather to sophisticated institutional investors and funds.

9

Can you explain to me, in simple terms, the subprime crisis?

A bolha imobiliária americana foi causada pelo aumento na facilidade nos financiamentos de imóveis no país, marcado por uma intensa desregulamentação do mercado financeiro. Isso aumentou a procura por imóveis, e com isso os preços foram subindo,

Quando os bancos passaram a aumentar a taxa de juros dos empréstimos, ou seja, as pessoas teriam que pagar mais juros sobre o valor emprestado, muitas delas não conseguiram mais pagar as parcelas do empréstimos e com isso, os bancos não tinham mais dinheiro para realizar suas operações, o que foi o início da crise.

Os agentes financeiros elaboravam empréstimos hipotecários de alto risco (os chamados subprime) e os bancos disseminavam os riscos ao revendê-los por pedaços em forma de bônus (CDO, Collateralized Debt Obligation) nos mercados financeiros, com o consentimento das agências de classificação.

10

How much do you know about what you actually do in Restructuring?

Restructuring bankers advised distressed companies – businesses going bankrupt, in the midst of bankruptcy, or getting out of bankruptcy – and help them change their capital structure to get out of bankruptcy, avoid it in the first place, or assist with a sale of the company depending on the scenario.

Bankers can advise either the debtor (the company itself) or the creditors (anyone that has lent the company) money.

11

Qual a diferença entra oferta primária e oferta secundária?

Uma operação no mercado primário implica no lançamento de novas ações no mercado. Ou seja, a empresa obtém novos recursos, aumentando o número de ações que possui no mercado.

Na secundária, a apenas a transferência de propriedade.

12

O que é um bookbuilding?

O bookbuilding é um processo que objetiva definir um preço justo para uma oferta pública de valores mobiliários, a partir de análises da demanda pelos papéis realizadas por um coordenador em conjunto com investidores institucionais.

Dessa forma, a empresa consegue ter uma noção do preço que poderia praticar em seu IPO, além do número de ações ou títulos a serem oferecidos.

13

Maiores aquisições e fusões de 2019

1) Natura -> Avon, formando a quarta maior empresa de cosméticos do mundo
2) Drogasil -> Onofre (antes controlada pela americana CVS). A Onofre era a primeira investida da CVS fora dos Estados Unidos, comprada em 2013.
3) América Móvil, controladora da operadora de telecom Claro, comprou a operação da Nextel no Brasil por 905 milhões de dólares.
4) Magalu -> Netshoes: Depois de uma longa disputa entre a Centauro e o Magazine Luiza, a Netshoes acabou aceitando a proposta de compra pelo Magalu, anunciou a varejista de artigos esportivos em junho. Para além dos valores, a disputa envolve questões sobre a sobrevida da Netshoes, em dificuldades financeiras.

14

Possíveis próximos IPO

IPO cancelados

- Banco BV, controlado pelo Grupo Votorantim e Banco do Brasil
- Caixa Seguridade, porém em 24/09 pediram à CVM interrupção do processo de IPO

Cancelados:
- You Inc
- Compass

15

IPOs realizados em 2020

2020:

1) Grupo Mateus - outubro (R$ 4bi): rede de supermercados do Maranhao. Maior IPO realizado na B3

2) Petz - setembro(R$ 3 bi), rede controlada pelo PE Warburg Pincus.

3) Hidrovias do Brasil - setembro (R$ 3 bi): Hidrovias do Brasil foi fundada em 2010 pelo Pátria Fundo de Investimento como um projeto greenfield e iniciou suas operações no segundo trimestre de 2012.
- distribuição secundária

4) Quero-Quero (agosto): varejista especializada em materiais de construção, eletrodomésticos e móveis, levantou quase R$ 2 bi.

5) Estapar (maio): A oferta da Estapar é a primeira operação de ações no mercado de capitais brasileiro desde o início da pandemia. A operação foi viabilizada em meio à turbulência porque parte relevante das ações foi adquirida pelo maior acionista da companhia – um fundo administrado pelo BTG Pactual e que tem André Esteves como investidor. R$ 350 milhoes

6) Locaweb (fevereiro): primeira empresa de hospedagem de sites do Brasil, R$1bi (em fevereiro)

- Moura Doubex (dubê): pior performance pós IPO, açoes despencaram
incorporadora do nordeste, possui alto endividamento

16

Quais são os 3 tipos de underwriting?

1) Underwriting firme
Também chamado de underwriting straight.

Nesse caso, a underwriter se compromete a subscrever todos os títulos antes de repassá-las aos acionistas, atuando como revendedor e assumindo os riscos da operação.

2) Underwriting stand-by
No underwriting stand-by, a única responsabilidade da underwriter é negociar os títulos durante um determinado período.

Findo o prazo, a instituição pode optar por ela mesma subscrevê-las ou, então, devolvê-las à empresa.

3) Underwriting melhor-esforço
A responsabilidade que a underwriter assume é fazer o melhor esforço possível para encontrar interessados nos títulos, na busca por transmiti-los.

Vide que o compromisso firmado é de se esforçar para tal fim e não de subscrever todos os papéis.

17

Quais os maiores IPOs realizados em 2019?

1) Neoenergia (R$ 3,7 bi)
2) Vivara (R$ 2,3 bi)
3) Banco BMG (R$ 1,6 bi)
4) Centauro (R$ 800 mi)
5) CeA (R$ 800 mi)

18

Why Investment Banking?

- I know that the learning curve in IB is very steep and since the early stage the juniors have a strong exposure to high profile transactions and responsabilities, and it excites me
- Besides that, I like to follow the news on IB transactions, such as Merges and Acquisitions, IPO and debt issuance, and I like to learn about diferent industries and companies
- I also would like to gain a deep understanding in financial modeling and valuation, because I'm very interested
- And I would like to work with great profissionals, and I know that in Investment Banking there are very smart people and motivated as well.

19

O que causou a onda de IPOs cancelados?

Por conta das condiçoes de mercado, podemos dizer que não estamos em um momento bom, de muita volatilidade - devido a fatores como covid, eleições e questão fiscal - e por isso o investidor está muito mais seletivo, e isso pode fazer com que a empresa consiga captar menos recursos no IPO,

20

E o que causou a onda de IPOs?

A recuperação da bolsa brasileira se deu principalmente a baixa na taxa de juros, que fez com que os investidores buscassem ativos que gerassem um maior retorno e optassem pela renda variável.