Epidemio analítica e aplicada à clínica Flashcards Preview

MC. Preventiva > Epidemio analítica e aplicada à clínica > Flashcards

Flashcards in Epidemio analítica e aplicada à clínica Deck (62):
1

Quais as vantagens do estudo ecológico?

🔹Fácil
🔹Barato
🔹Rápido
🔹Gera suspeitas

2

Desvantagens do estudo ecológico?

🔹Não confirma as suspeitas
🔹Pode induzir ao erro (falácia ecológica)

3

Quais as vantagens da coorte?

🔸Define os riscos
🔸Confirma suspeitas

4

Quais as desvantagens da coorte?

🔸Longo
🔸Caro
🔸Vulnerável a perdas
🔸Ruim para doença rara e períodos de incubação longa

5

Qual dos estudos é retrospectivo?

Caso-controle

6

Vantagens do estudo de caso-controle?

🔺Rápido
🔺Barato
🔺Bom para doença rara/longa

7

O estudo de caso-controle define riscos?

Não.. ESTIMA O RISCO!

8

Quais as desvantagens do estudo de caso-controle?

🔺Vulnerável a erros
🔺Ruim para fator de risco raro

9

Quais as vantagens do ensaio-clínico?

▫️Consegue controlar os fatores
▫️Melhor para testar os medicamentos

10

Quais as desvantagens do ensaio clínico ?

▫️Social, ético
▫️Complexo
▫️Caro
▫️Longo
▫️Vulnerável às perdas

11

Defina efeito Hawthorne

Efeito comportamental/ Placebo

12

Ser CONTROLADO, evita qual erro?

Erro da intervenção

13

Ser RANDOMIZADO evita qual erro?

Erro de seleção/ confusão

14

Ser MASCARADO (cegamento) evita qual erro?

Erro de aferição

15

Qual a diferença da coorte para coorte histórica?

As duas vão do fator de risco ➡️ doença. Mas a coorte histórica busca os fatores de risco no passado.

16

Quando eu interpreto o final de um ensaio clínico, com que situação estou lidando ?

Situação ideal - Eficácia

17

Quando eu interpreto a intenção de tratar de um ensaio clínico, com que situação estou lidando ?

Situação real - Efetividade

18

Quando eu quero avaliar indiretamente o risco de algum fator de risco dentro de um ensaio clínico, o q fazer?

ODDS RATIO (OR) 🐠

19

Defina ODDS RATIO

Fator de verossimilhança - avalia o risco indiretamente 🐠

20

A redução do risco relativo me dá ideia de que no estudo?

Eficácia ou efetividade

21

Cálculo do NNT?

1/Redução absoluta do risco

22

O que o NNT avalia?

Eficiência - custo benefício

23

Interpretação:
RR,OR ou RP =1

Sem associação

24

Interpretação:
RR, OR ou RP >1

Fator de risco

25

Interpretação:
RR, OR ou RP <1?

Fator protetor

26

Se o estudo não tem viés, ele é considerado....

Válido/ acurado

27

Erro sistemático

Viés

28

Erro aleatório

Acaso

29

Quando devo considerar o intervalo de confiança igual a 95% (IC 95%)?

Quando mantém associação em 95% das vezes
(Não houve erro mais de 5x)

30

Quando o risco relativo é dito verdadeiro?

Quando ele está dentro do intervalo de confiança

31

Quando se utilizam mais pessoas no estudo, o intervalo de confiança fica maior ou menor?

Fica menor! É mais preciso.

32

Como se calcula o risco relativo em uma coorte?

Incidência nos indivíduos expostos/ incidência nos indivíduos NÃO expostos

33

Qual é o tipo de delineamento epidemiológico mais indicado para gerar uma hipótese prognóstica?

Coorte

34

A capacidade de um teste diagnóstico apresentar um resultado negativo em indivíduos que NÃO possuem a doença é conhecida como?

Especificidade

35

Qual a principal desvantagem dos estudos transversais?

Não conseguir determinar quem veio primeiro..(causa-efeito)

36

Qual o principal problema dos estudos tipo relato de casos e série de casos?

Ausência de um grupo para comparação

37

O Risco Relativo (RR) responde a qual questão ?

“Quantas vezes mais provável é os indivíduos expostos virem a desenvolver a doença em relação aos indivíduos não expostos?”

38

O RAP% (Risco atribuível à população) é uma estimativa do que?

Da “quantidade de doença” atribuível unicamente à exposição

39

Quando o odds ratio se torna mais próximo do risco relativo?

Quando a incidência da doença é baixa!

40

Alta sensibilidade, quando?

Quando quero evitar falso negativo

41

Alta especificidade, quando?

Quando quero evitar falso positivo

42

Quando um teste muito sensível da negativo - o que fazer?

Excluir a doença

43

Quando um teste muito específico da positivo - o que significa?

Confirmação

44

Defina VPP

Acertos nos resultados positivos (A/A+B)

45

Defina VPN

Acertos nos resultados negativos (D/C+D)

46

O valor preditivo varia com qual coeficiente de morbidade?

Prevalência

47

Quanto maior a prevalência, ....... o VPP e ....... o VPN.

maior o VPP e menor o VPN

48

O que significa prevalência na epidemio analítica?

Probabilidade pré-teste

49

O que significa Valor preditivo positivo na epidemio analítica?

Probabilidade pós-teste

50

Um teste com alta sensibilidade tem maior ou menor VPP? Pq?

Menor VPP, pq os testes sensíveis tem menos falsos negativos e mais falsos positivos, sendo VPP a capacidade de acertos nos resultados positivos, com alta sensibilidade o VPP cai!

51

Um teste com alta especificidade tem maior ou menor VPN?

Menor VPN, pq os testes específicos tem menos falsos positivos, sendo o VPN a capacidade de acertos nos resultados negativos, num teste com alta especificidade o VPN cai!

52

ATENÇÃO!!!

A sensibilidade e a especificidade do teste não são influenciadas pela prevalência.

53

Numa curva ROC, qual o ponto de maior otimização (maior sensibilidade em função da especif.)?

Ponto mais próximo do canto superior esquerdo do diagrama

54

A acurácia de um teste diagnóstico é proprorcional a que numa curva ROC?

A área sob a curva

55

Razão de verossimilhança ou likelihood ratio - qual objetivo?

Descrever o desempenho de um teste diagnóstico

56

A razão de verossimilhança é dada em chances, o que isso quer dizer?

Que ela é a razão de duas probabilidades

57

Quais as vantagens da razão de verossimilhança?

1. menos suscetível a mudanças em função da prevalência da doença
2. Descreve a acurácia de testes com resultados numericos em vários pontos de corte

58

O que ocorre com a sensibilidade e a especificidade nos testes em paralelo?

Aumenta a sensibilidade e reduz especificidade

59

Qual indicação dos testes em paralelo?

Necessidade de avaliação rápida/ emergência

60

O que ocorre com a sensibilidade e a especificidade nos testes em série?

Reduz sensibilidade e aumenta especificidade

61

Qual indicação dos testes em série?

Nessecidade de av. rápida QUANDO NÃO EXISTIR UM EXAME DE ALTA ESPECIFICIDADE disponível

62

A eficiência avalia o que?

A idéia de avaliação da relação entre os meios utilizados e os produtos.