História 1.o Bimestre Flashcards Preview

Mendel 5o. Ano > História 1.o Bimestre > Flashcards

Flashcards in História 1.o Bimestre Deck (141):
0

Quando Pedro Álvares Cabral chega ao Brasil e envia a embarcação para Portugal com carta de Pero Vaz de Caminha a produtos, como o pau-brasil?

Em 1500

1

Quando a lavoura canavieira foi introduzida em decorrência da expedição colonizadora de Martim Afonso de Sousa?

Em 1530

2

Quando surgiram as primeiras plantações de cana-de-açúcar e os primeiros engenhos?

Em 1532.

3

Quando Portugal ganhou ascendência no mercado europeu em razão do açúcar produzido no Brasil?

Em 1560.

4

Quando os holandeses que cobiçavam o pau-brasil e o açúcar, invadiram a Bahia?

Em 1624.

5

Quando os holandeses foram expulsos da Bahia, por invadi-la?

Em 1625

6

Quando os holandeses ocuparam Pernambuco e passaram a controlar a região por terem a maior produção de açúcar do país?

Em 1630

7

Quando o valor das exportações sofreu uma queda acentuada e inicia-se uma fase de decadência da cana-de-açúcar.

Em 1670

8

Quando uma lei Imperial reforça que o pau-brasil continue a auxiliar no pagamento da dívida externa brasileira; a atividade está extinta em algumas regiões do Brasil?

Em 1831

9

Qual foi a primeira riqueza extraída do território brasileiro?

Foi o pau-brasil.

10

Há cerca de quantos anos os europeus chegaram ao Brasil?

A cerca de 500 anos.

11

O que chamou a atenção dos europeus quando fizeram as primeiras viagens de reconhecimento do território?

O pau-brasil.

12

Fale outro nome dado ao pau-brasil pelos europeus.

Pau-de-tinta.

13

Por que o pau-brasil era muito valorizado na Europa?

Porque ele produzia um corante vermelho do seu tronco e com isso eram usados para tingir tecidos muito apreciados pelos europeus.

14

Como os indígenas chamavam o pau-brasil?

Eles chamavam de "ibirapitanga".

15

O que significa "ibirapitanga"?

Significa "pau-vermelho".

16

Para que o pau-brasil era utilizado pelos índios?

Para fazer arcos e penas.

17

O que eram as feitorias?

Feitorias eram locais estratégicos, escolhidos pelos portugueses, que serviam de entreposto comercial.

18

O que era um entreposto comercial?

Era um local em que era feito a troca de mercadorias entre os nativos e mercadores portugueses.

19

Quais eram os materiais usados para construir uma feitoria?

Uma feitoria era composta de um galpão de madeira onde ficavam empilhadas as toras de pau-brasil que seriam embarcadas para a Europa.

20

Por que algumas das primeiras feitorias brasileiras eram construídas em Pernambuco?

Porque em Pernambuco havia um pau-brasil de melhor qualidade.

21

Como era chamado o pau-brasil de maior qualidade encontrado em Pernambuco?

Era chamado de pau-fino.

22

Quem fazia a maior parte do trabalho de cortar o pau-brasil?

Os indígenas.

23

Qual era o trabalho que os indígenas tinham de fazer para os portugueses na exportação do pau-brasil?

Eles:Empilhavam e cortavam as toras, transportavam-nas às feitorias e as embarcavam nos navios.

24

Fale alguns dos objetos de metal que os indígenas recebiam em troca do trabalho para a exportação do pau-brasil.

Eles recebiam facas, tesouras, machados, de que gostavam muito.

25

Qual era o nome do sistema de troca de trabalho por produtos feito pelos indígenas e os portugueses?

Esse sistema era chamado de escambo.

26

Por que os objetos de metal dados pelos portugueses representaram uma revolução para os indígenas?

Porque com os objetos de metal os indígenas perdiam menos tempo fazendo seu trabalho.

27

Fale um exemplo que represente a revolução dos objetos de metal para os indígenas.

Com o machado de pedra os índios demoravam em média 3 horas para cortar uma árvore e com o machado de metal esse tempo foi reduzido para 15 minutos.

28

Por que outros povos europeus foram atraídos pela extração do pau-brasil?

Porque esse processo garantia muito lucro.

29

Como os traficantes de pau-brasil agiam?

Eles faziam alianças com os indígenas e negociavam a retirada do pau-brasil em troca de produtos, como roupas, colares e espelhos, além dos cobiçados objetos de metal.

30

Que país agiu por mais de 30 anos traficando pau-brasil pelo litoral?

A França.

31

Por que o trabalho escravo nos engenhos garantia total lucro para os comerciantes portugueses?

Porque eles não tinham que pagá-los.

32

Quando o rei de Portugal quis começar o processo de colonização no Brasil?

Em 1534.

33

Por que o rei de Portugal quis começar o processo de colonização do Brasil?

Porque estavam avendo muitas invasões em terrítorio brasileiro e isso preocupou o rei.

34

Como o rei de Portugal começou o processo de colonização do Brasil?

Ele dividiu o Brasil em 15 faixas horizontais e as chamou de capitanias hereditárias.

35

Quem recebeu as capitanias hereditárias do rei?

Nobres portugueses chamados donatários.

36

Qual era a condição que os donatários tinham que cumprir para ganhar as suas capitanias?

Eles tinham que explorar a capitania por conta própria, defender a terra, estimular a vinda e fixação de mais portugueses e promover o cultivo e a produção de açúcar.

37

Qual das 15 capitanias prosperou?

A de São Vicente, ao sul, e a Pernambuco, ao norte do território brasileiro.

38

Quem vinham juntos nas embarcações cheias de utensílios para engenhos?

Vinham junto os escravos vindos da África.

39

Quem fazia quase todas as fases da produção do açúcar?

Os africanos.

40

Quanto tempo funcionava um engenho?

Funcionava durante o período da safra.

41

Quanto tempo durava o período da safra?

Durava de 8 a 9 meses.

42

Quantas horas durava a jornada de trabalho dos escravos nos engenhos.

Chegava a durar 18 horas por dia.

43

Fale o nome de dois tipos de instrumentos de punição usados para punir os escravos nos engenhos.

O chicote, o tronco e outros tipos de punição.

44

Para que os instrumentos de punição eram usados nos engenhos?

Para reprimir fugas e rebeliões para obrigar os escravos a trabalhar.

45

Quantos escravos em média um engenho tinha que ter para funcionar?

Tinham que ter em média 80 escravos trabalhando.

46

Quantos escravos os maiores engenhos tinham?

Tinham 200 escravos.

47

O que as instalações de engenhos incluíam?

Incluíam uma ou mais moendas, a casa de fornalhas, a casa de cobres e os galpões.

48

Aonde a cana em estado bruto era transformada pelos trabalhadores escravos em açúcar?

Nos galpões e casas de cobre.

49

Qual era o nome dado aos proprietários de engenho?

Senhores de engenho.

50

Pouco mais de quantos anos após as instalações dos primeiros engenhos, o Brasil já dominava a produção mundial de açúcar, comercializado e consumido na Europa?

Pouco mais de 50 anos.

51

O que significa cotidiano?

Significa dia a dia.

52

Quando as festas eram feitas nos engenhos?

Elas eram feitas nos domingos e nos feriados dedicados aos santos.

53

Quem não participava das festas nos engenhos e por que?

Os escravos porque estavam trabalhando para atender as necessidades da moagem da cana.

54

De que festas os escravos participavam?

Das festas de Nossa Senhora do Rosário.

55

O que é lundu?

Lundu é uma dança e canto de origem africana introduzindo no Brasil pelos negros escravizados.

56

Da onde até onde a Mata Atlântica ocupava?

A Mata Atlântica ocupava toda a extensão do litoral brasileiro do Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul.

57

Como antigamente os humanos devastavam a Mata Atlântica?

Com a exploração do pau-brasil e os ciclos da cana-de-açúcar, do ouro e do café.

58

Como os seres humanos devastam atualmente a Mata Atlântica?

Eles devastam com a caça e pesca predátorias, expansão da agropecuária e da indústria, turismo e processo de urbanização.

59

Quantos % existem atualmente da Mata Atlântica original?

Restam hoje 7% da Mata Atlântica original.

60

Que floresta a Mata Atlântica fazia parte?

Ela fazia parte da segunda maior floresta tropical úmida do Brasil.

61

O que ocupa a maior parte da área da Mata Atlântica?

Grandes cidades, pastos e campos para agricultura.

62

O que é biopirataria?

Biopirataria é a prática ilegal de extração e comercialização internacional de recursos biológicos das florestas.

63

Durante que séculos que cidades cresceram e se tornaram importantes, em razão da economia do açúcar?

Durante os séculos XVI e XVII as cidades de Salvador, Olinda e Recife cresceram e se tornaram cidades importantes, em razão a economia de açúcar.

64

Quando o sistema de capitanias hereditárias se tornou um fracasso?

Em 1549.

65

Com que objetivo o rei de Portugal tinha em instituir na colônia o governo geral?

Ele tinha o objetivo de manter o controle e a defesa do território.

66

Quem foi o primeiro governador-geral do Brasil?

Tomé de Sousa.

67

Sobre o que tratava o conjunto de normas que Tomé de Sousa?

Tratava de questões militares e da colonização do território.

68

Fale o conjunto de normas de Tomé de Sousa?

Defesa da costa brasileira, instalação das câmaras municipais, assentamento do colonos, distribuição de terras de gado, além da construção da cidade de Salvador.

69

Quem chegou junto com a comitiva de Tomé de Sousa?

Chegaram os primeiros missionários.

70

Quem eram os missionários que vieram junto com a comitiva de Tomé de Sousa?

Eram os jesuítas.

71

A que companhia os jesuítas pertenciam?

A companhia de Jesus.

72

Que missão tinham os jesuítas?

Eles tinham a missão de catequizar o indígenas.

73

O que significa catequizar os indígenas?

Significa converte-los a religião católica.

74

O que eram as missões jesuíticas?

As missões jesuíticas eram aldeamentos formados por grupos de religiosos que tinham a finalidade de difundir a fé católica entre os indígenas.

75

O que era um importante instrumento de controle e submissão dos indígenas no projeto de colonização?

A religião.

76

O que os missionários iam fazer sertão adentro?

Eles iam sertão adentro para fazer contato com diferentes comunidades indígenas e realizar o trabalho de conversão das populações á fé católica.

77

Como a catequização tinha inicio?

A catequização tinha início com a educação das crianças e dos jovens indígenas.

78

Para a educação das crianças e dos jovens indígenas o que os jesuítas fizeram?

Eles fundaram colégios em Salvador, São Vicente e São Paulo.

79

Para o trabalho de catequização os jesuítas organizavam o que?

Eles organizavam missões.

80

Como as missões funcionavam?

Elas funcionavam como pequenas sociedades autossuficientes.

81

Como os indígenas tinham de viver nas missões?

Eles tinham de viver de acordo com as regras e a disciplina das missões.

82

Aonde as missões costumavam se situar?

Elas costumavam situar no sertão, em lugares longe sido litoral.

83

As maiores missões tinham quantos habitantes?

Eles tinham de 4 a 5 mil habitantes.

84

Por que tantos indígenas deixavam suas aldeias para viver em missões?

Uma das razões é que os jesuítas eram contrários à escravidão indígena e ali eles se sentiam protegidos dos violentos ataques dos colonos portugueses que pretendiam escravizá-los.

85

Fale algumas das "drogas do sertão"?

Castanha, cacau e guaraná.

86

Os jesuítas usavam que tipo de trabalho para cultivar os alimentos necessários?

Trabalho indígena.

87

Aonde as " drogas do sertão " eram muito valorizadas?

Elas eram muito valorizadas na Europa.

88

O que as missões faziam com as drogas do sertão?

Uma parte das " drogas " era consumida pelas pessoas que viviam nas missões e outra era armazenada e vendida na Europa com grandes lucros para as companhias missionárias.

89

Qual é a maior região florestal e hidrográfica do mundo?

A Amazônia.

90

Quantos % a Amazônia cobre do território brasileiro?

Ela cobre cerca de 49% do território brasileiro.

91

Desde que século a fauna e flora da Amazônia desperta atenção?

Desde o século XVII.

92

Quais são as ações que causam a perda da biodiversidade e afetam a vida das populações locais na Amazônia?

Desmatamento, queimadas, conversão de terras para agricultura e pecuária, biopirataria, além de obras viárias e outras de grande porte, como no caso das hidrelétricas.

93

Em que data um grupo de jesuítas fundou um colégio no planalto de Piratininga?

Em 25 de janeiro de 1554.

94

Fale o nome de dois jesuítas que estavam fundando um colégio no planalto de Piratininga.

José de Anchieta e Manuel da Nobréga.

95

O que deu origem ao povoado de São Paulo de Piratininga?

O que deu de origem ao povoado foram as casas de taipa construídas em torno do colégio dos jesuítas no planalto de Piratininga.

96

Do povoado de São Paulo de Piratininga o que saiam?

Saiam de lá muitas expedições para explorar o sertão, encontrar metais preciosos e aprisionar indígenas para escravizá-los.

97

Como eram chamadas as expedições e os membros das expedições que tinham como objetivo explorar o sertão, encontrar metais preciosos e escravizar índios?

Essas expedições se chamavam bandeiras e os seus membros se chamavam bandeirantes.

98

Os bandeirantes eram em geral o que?

Eles eram em geral mamelucos.

99

O que são mamelucos?

Mamelucos são pessoas nascidas da união de branco com indígena.

100

Como eram chamadas as expedições organizadas pelo governo português?

Elas se chamavam entradas.

101

Da onde as bandeiras e entradas partiam?

Elas partiam do litoral em direção ao interior das regiões.

102

As bandeiras iam em direção ao interior de que regiões?

Nas regiões Nordeste, Leste, Sul, Centro-Oeste e Norte.

103

Por que as bandeiras e entradas foram muito importantes?

Porque sua ação permitiu a expansão dos domínios territoriais e exploraram áreas desconhecidas, fundando novas vilas e povoados.

104

Foi por meio de que expedições que o ouro e outros metais preciosos foram descobertos?

Foi por meio das entradas e bandeiras.

105

As bandeiras eram formadas por quem?

Elas eram formadas por homens brancos, indígenas e mamelucos.

106

Os bandeirantes iam organizados em que nas bandeiras?

Eles iam organizados em filas.

107

Como os bandeirantes abriam caminho e para onde?

Eles abriam caminho para o sertão andando a pé.

108

O que o bandeirante que ia na frente da bandeira empunhava?

Ele empunhava uma bandeira.

109

Haviam mulheres nas bandeiras, se tivessem, elas eram o que?

Sim, e eram indígenas.

110

As mulheres indígenas ficavam encarregadas do que nas bandeiras?

Elas ficavam encarregadas da comida, das cuias, dos potes e de fazer remédios com ervas para curar as feridas quando fosse necessário.

111

Por que as bandeiras eram muito arriscadas?

Elas eram muito arriscadas, pois a selva era desconhecida e perigosa, e havia o risco de doenças e de fome.

112

Quanto tempo as marchas podiam durar?

Elas podiam durar muitos messes e até anos.

113

Antes de partir em uma expedição o que os bandeirantes faziam?

Eles pediam proteção na igrejas e deixavam as moradias sob o comando de suas mulheres.

114

Na época dos bandeirantes como os indígenas eram chamados?

Eles eram chamados de " negros da terra ".

115

Para onde e qual era o objetivo das primeiras bandeiras?

Elas partiam rumo ao sertão para aprisionar os indígenas.

116

Fale duas táticas usadas pelos bandeirantes para capturar indígenas.

1.a: Os bandeirantes aproveitavam a rivalidade entre as comunidades indígenas e as jogavam umas contra as para capturar os perdedores da guerra com mais facilidade.
2.a: Atacar as missões jesuíticas, pois era mais fácil capturar os indígenas já catequizados e reunidos em um mesmo espaço.

117

Fale alguns trabalhos que os indígenas tinham que fazer quando eram escravizados pelos bandeirantes.

Trabalhar nas lavouras, na derrubada das matas, no preparo das roças, nos engenhos, nos moinhos, nas casas, no transporte de mercadorias, equipamentos e alimentos, na construção de casas e edifícios, na caça, na pesca, no combate a outros povos.

118

No século XIX e parte do XX como o sertão era concebido?

Ele era concebido como um lugar deserto, despovoado e distante.

119

O sertão no século XIX e parte do século XX era visto como sinônimo do que?

Ele era visto como sinônimo de atraso.

120

O litoral no século XIX e parte do século XX era considerado como lugar do que?

Ele era considerado como lugar de progresso, da civilização e da modernidade.

121

No século XIX e parte do XX o que contribuiu para o conhecimento do sertão?

O que contribuiu para o conhecimento do sertão foram as muitas expedições científicas e missões.

122

De onde e por qual motivo as expedições científicas e missões no século XIX e parte do XX?

Elas partiam do litoral percorrendo o território brasileiro para mapear as terras, indentificar sua população e conhecer suas riquezas.

123

Entre que anos a Expedição Langsdorff durou?

Entre os anos 1824 e 1829.

124

Entre que anos a expedição liderada pelo Marechal Cândido Rondon durou?

Entre os anos 1906 e 1910.

125

Em que ano partiu a Expedição Roncador Xingu?

No ano de 1943.

126

Fale uma coisa que marcaram grande parte das expedições e ainda permanecem no presente.

O contato e os conflitos entre indígenas e não indígenas.

127

Em função de que os conflitos entre indígenas e não indígenas acontecem?

Em função da luta pela posse da terra e pela conquista de direitos à saúde e à educação.

128

O que destaca-se nas relações entre indígenas e não indígenas?

Destaca-se a figura dos sertanistas.

129

O que os sertanistas investigam, pesquisam e buscam nas relações entre indígenas e não indígenas?

Eles investigam as culturas indígenas, pesquisam animais e plantas e buscam diminuir os conflitos decorrentes do contato entre essas diferentes culturas.

130

O que os sertanistas faziam de diferente dos bandeirantes?

Eles visam defender os indígenas e seus costumes tradicionais.

131

Como os sertanistas contribuem para consolidar a imagem do Brasil como país multiétnico?

Eles contribuem visando defendendo os indígenas e seus costumes tradicionais.

132

O que significa multiétnico?

Multiétnico significa uma coisa que possui diversidade de grupos sociais ligados entre si por características comuns como língua, costumes e região.

133

Por que as pessoas falam de um jeito próprio em cada região do Brasil?

Isso acontece porque cada lugar recebeu influências culturais diferentes ao longo do tempo.

134

O que os portugueses fizeram no início da colonização para se comunicar?

Eles adotaram a língua dos Tupinamba, que era falada em grande parte do território.

135

Em que século que jesuíta chegou a que capitania?

No século XVI o jesuíta José de Anchieta chegou a capitania de São Vicente.

136

Por o que José de Anchieta se interessou ao chegar na capitania de São Vicente?

José de Anchieta se interessou pelo estudo das línguas indígenas.

137

Como José de Anchieta chamou a raiz das línguas indígenas?

Ele as chamou de Tupi.

138

Fale o nome de duas línguas gerais da colônia.

Tupi e português.

139

Quem e como ajudaram a espalhar sertão adentro a língua tupi?

Os bandeirantes porque eram mamelucos e falavam está língua.

140

Em que regiões e por cerca de quantos anos a língua tupi foi falada?

Nas regiões de São Paulo, Maranhão, Pará e Amazonas por cerca de 300 anos.