348. Doença Ulcerosa Péptica Flashcards Preview

Gastro > 348. Doença Ulcerosa Péptica > Flashcards

Flashcards in 348. Doença Ulcerosa Péptica Deck (21):
1

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

A prevalência de DUP é de 12% nos homens e 10% nas mulheres.

Verdadeiro

2

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

As células parietais localizam-se principalmente no fundo e piloro do estômago.

Falso

Istmo ou corpo ou glândula oxíntica

3

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Num pH gástrico de 2, a atividade da pepsina é normal, e num pH igual ou superior a 7 a pepsina encontra-se na forma inativa.

Verdadeiro

4

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

AINEs não seletivos para COX-2 têm menor toxicidade GI mas mais risco cardiovascular.

Falso

Seletivos para COX2

5

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Erradicação da H.pylori reduziu significativamente as recidivas na úlcera duodenal.

Verdadeiro

6

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Ulceras duodenais malignas são comuns e devem ser biopsadas.

Falso

São raras

7

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

As úlceras gástricas do tipo III situam-se a 3 cm do piloro e estão normalmente associadas a hipossecreção de ácido.

Falso

Hipersecreção

8

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Apenas 10 a 15% dos infetados com H.pylori desenvolve úlcera franca.

Verdadeiro

9

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Estirpes de H.pylori VacA positivas têm mais risco de DUP e cancro gástrico.

Falso

Cag PAI positivas

10

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Por ano, cerca de 4-5% dos usuários habituais de AINEs desenvolve úlcera sintomática.

Verdadeiro

11

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Existe uma forte correlação entre sintomas dispépticos e patologia induzida por AINEs.

Falso

Não existe correlação

12

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Tabaco, álcool e infeção por H.pylori são fatores de risco comprovados para DUP provocado por AINEs.

Falso

Fatores de risco possíveis

13

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Existe uma possível associação entre Policitemia vera e DUP.

Verdadeiro

14

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

A perfuração é a complicação mais comum de DUP, afetando aproximadamente 15% de indivíduos.

Falso

Hemorragia Gastro-Intestinal (15%)
Perfuração (6%)
Obstrução (1%)

15

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

A queixa mais frequente numa recorrência de úlcera é a dor abdominal, ocorrendo em >90% dos casos.

Verdadeiro

16

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

O teste de escolha para documentar erradicação da H.Pylori é o teste serológico.

Falso.

Teste respiratório da ureia ou antigénio fecal

17

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

70% das úlceras gástricas eventualmente malignas evidenciam cicatrização.

Verdadeiro

18

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

A vagotomia altamente seletiva é a vagotomia que tem maior taxa de complicações.

Falso

Menor taxa de complicações mas maior taxa de recidiva (>10%)

19

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Perda de peso pode ocorrer em até 60% após resseção gástrica parcial.

Verdadeiro

20

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Os achados radiográficos da diminuição da DMO no défice de vitamina D e cálcio são habitualmente precoces.

Falso.

Achados radiográficos são tardios (podem demorar anos!)

21

348. Doença Ulcerosa Péptica

V/F

Verifica-se um aumento de 4-5 vezes do risco de adenocarcinoma gástrico 20-25 anos após a úlcera corrigida cirurgicamente.

Verdadeiro.