Glicemia Flashcards Preview

URGÊNCIA e EMERGÊNCIA > Glicemia > Flashcards

Flashcards in Glicemia Deck (13):
1

Quais os parâmetros para CETOACIDOSE DIABÉTICA?

-Glicemia >250mg/dL
-pH<=7,3
-Cetinuria positiva (ou cetonemia)


Leve: pH 7,3 - 7,25 (alerta)
Moderada: pH 7,24 - 7,00 (sonolento)
Grave: pH < 7,00 (Estupor ou coma)

2

Qual os parâmetros para estado HIPEROSMOLAR HIPERGLICÊMICO?

-Glicemia>600mg/dL
-pH arterial > 7,3
-Osmolaridade sérica efetiva estimada > 320 mOsm/kg

3

Qual a epidemiologia da cetoacidose diabética e do coma hiperosmolar?

Em pacientes com DM1 a cetoacidose acomete mais crianças e adolescentes, e cerca de 20% dos adultos

O coma hiperosmolar costuma acometer pacientes mais velhos acima dos 50 anos

4

Como é a patogênese da cetoacidose e do estado hiperosmolar?

Na cetoacidose ocorre quase total redução da secreção de insulina (aumento de glucagon, cortisol, catecolaminas e horm de cresc):

-produção de ac graxos (lipólise no fígado) e produção de corpos cetonicos
-cetonemia e acidose metabólica
(-hiperglicemia pela gliconeogenese hepática)

No estado hiperosmolar, ocorre pequena produção de insulina que inibe glucagon e a produção de corpos cetonicos

5

Quando a glicemia excede a taxa de reabsorção tubular de glicose a ponto de causar glicosuria?

Quando glicemia > 180 mg/dL

6

O que a glicosuria acarreta?

Acarreta diurese osmótica, que leva a uma hipovolemia, diminuição do ritmo de filtração glomerular e aumento da glicemia. Perde tb Na, K, Mg, P

7

Quais órgãos e tecidos envolvidos na cetoacidose diabética e estado hiperosmolar?

-Tec adiposo (lipase oxida triglicerídeos em ac graxos livres e glicerol)(produzem prostaglandinas que vasodilatam, diminuem resist vasc perif, levam a taquicardia, hipotensão, náuseas, vômitos e dor abdominal)

-Fígado (gliconeogenese, oxidação de ac graxos livres)

-Músculo (diminuição de glicose entrando no musc leva á proteólise para gliconeogenese)

-Rim (glicosuria, diurese osmotica, hipovolemia, diminuição da TFG, hiperglicemia)

8

Quais os sintomas do quadro de cetoacidose diabética?

Geralmente o início é súbito, mas pode ter pródromo de poluiria, polidipsia, polifagia e mal estar indefinido. Geralmente jovens

-geralmente alerta (20% consciência alterada)
-náuseas, vômitos e dor abdominal podem acontecer devido às prostaglandinas
-febre se presente sugere quadro infeccioso como fator precipitante
-hálito cetônico
-desidratado
-hipotenso,taquicárdico
-taquipneia (kusmaull se pH<7,2)
-extremidades podem estar quentes e bem perfumistas devido a prostaglandinas

9

Quais os sintomas de estado hiperosmolar?

Geralmente em faixa etária maior, >40anos
Quadro mais arrastado, poluiria, polidipisia, astenia (perda de peso) e desidratação costumam ocorrer durante semanas
-Rebaixamento de nível de consciência é a regra
-Desidratação profunda

10

Quais os fatores precipitantes que devem ser investigados na cetoacidose e no estado hiperosmolar?

-Infecção 50% (pneumonia, ITU, sepse, pé diabético, sinusite, celulite, meningite, diarreia)
-Trat irregular 20-49%
-Primodescompensacao 15-35%
-Abdome: pancreatite, colecistite, apendicite, vômitos intensos, diarreia, isquemia mesenterica)
-IAM/AVC
-medicações: corticoide, fenitoína, antirretrovirais, catecolaminas (adrenalina, Nora, dopa, dobutamina), cocaina
-Gestação
-Cirurgia e Trauma

11

Quais exames pedir na cetoacidose e estado hiperosmolar?

-gasometria arterial
-eletrólitos
-hemograma (leucocitose c desvio a esquerda pode aparecer sem infecção. Se >25.000 Cel/mm2 sugere infecção
-Urina tipo I
-Cetonuria (dosagem sérica de cetoacidos se disponível)
-ECG (ver hipercalemia e isquemia)
-RX Torax
-outros: urocultura, Tc de crânio, punção liquórica, teste de gravidez, enzimas hepáticas, amilase, lipase etc... de acordo com a suspeita clínica

12

Como é o tratamento da cetoacidose diabética e do estado hiperosmolar ?

-procurar e tratar fatores precipitantes
-corrigir déficit hídrico: hidratação
-corrigir hiperglicemia: insulina rápida
-corrigir déficit eletrolítico: cuidado com potássio
-corrigir bicarbonato: se necessário na cetoacidose (se pH <7,0)

*medir potássio na primeira gasometria e depois de 2/2h. Se < 3,3 mEq/L dar 25 mEq de K em 1L de soro intravenoso 1h antes de dar insulina. Só se deve iniciar insulina se K > 3,3 mEq/L

13

Quais os critérios de resolução da cetoacidose e do estado hiperosmolar?

-Glicemia <200 mg/dL
-pH 7,30
-Bicarbonato > 15 mEq/L
-Anion Gap < 12