Noções Basicas de Enxerto e Sutura Flashcards Preview

Habilidades VII 2ª Prova > Noções Basicas de Enxerto e Sutura > Flashcards

Flashcards in Noções Basicas de Enxerto e Sutura Deck (42)
Loading flashcards...
1

O que é um enxerto de pele? O que viabilizará a sobrevivência desse novo tecido?

1. São a transferência de um tecido, de uma região para outra, mediante perda total da continuidade com sua área doadora. Defeito primário → tira pele de tecido saudável para cobrir a área lesada. 2. A irrigação sanguínea que viabilizará sua sobrevivência se fará a partir da neovascularização proveniente da área receptora.

2

Como podem ser classificados os enxertos?

1. Quanto a espessura

2. Quanto a composição

3. Quanto a origem

3

Quais são os tipos de enxerto classificados quanto a sua espessura?

1. Enxertos de pele de espessura total

2. Enxertos de pele de espessura parcial

** Nenhum dos dois envolve tecido celular subcutaneo

4

O que são enxertos de pele de espessura total?

1. São enxertos constituídos pela epiderme e toda a espessura da derme.

2. Retirada por incisão, com bisturi.

3. Sítio doador deve ser fechado separadamente.

4. Resistem mais à deformação.

5

O que são enxertos de pele de espessura parcial?

1. São constituídos de epiderme e parte variavel da derme incluída.

2. Precisa de alguns instrumentos cirúrgicos, como faca blair ou dermátomo.

3. O sítio doador restaura-se espontaneamente de podem ser utilizados para nova retirada de enxerto após a restauração.

4. Muito realizado nos grandes queimados.

6

Quais são os tipos de enxerto classificados quanto a sua composição?

1. Simples: constituídos apenas por pele.

2. Compostos: constituídos por pele associada a outro tecido

7

Quais são os tipos de enxerto classificados quanto a sua origem?

1. Autoenxerto

2. Homoenxerto

3. Isoenxerto

4. Heteroenxerto

8

O que são autoenxertos?

São aqueles em que área doadora e receptora pertencem ao mesmo indivíduo.

9

O que são homoenxertos?

São aqueles em que as áreas doadora e receptora pertencem a indivíduos da mesma espécie (ex: cadáver com morte cerebral → pele doada para banco de pele → pode ser utilizada em outra pessoa).

10

O que são isoenxertos?

São aqueles em que a área doadora e receptora pertencem a gêmeos homozigotos.

11

O que são heteroenxertos?

São aqueles em que a área doadora e receptora pertencem a indivíduos de espécies diferentes. 

Ex. pele da tilápia em indivíduos queimados.

12

Qual é a indicação geral para enxertos?

Os enxertos são indicados nos casos em que a sutura primária da ferida não é possível

13

Quais são as condições para realizar um enxerto de pele total?

1. Uso restrito a pequenas lesões, devido a escassez da área doadora, que deve ser sempre fechada primariamente (não é possível tirar 10cm de pele do indíviduo)

2. Verifica-se uma maior contração primária, sendo necessária a retirada mais ampla que a área da cobertura. 

3. Exigem um leito receptor de boa qualidade

14

Quais são as condições para realizar um enxerto de pele parcial?

1. É um tipo de enxerto que possibilita a cobertura de grandes feridas, porque a área doadora não necessita de fechamento primário.

2. O problema dos enxertos de pele parcial é que eles apresentam retração secundária grande.

3. Gera sequelas visíveis na área receptora e na área doadora

15

Quais são as tres fases de integração de um enxerto?

I) Fase da embebição plasmática

II) Fase de inosculação

III) Fase de revascularização

16

O que acontece na fase da embebição plasmática do enxerto?

1. Assim que o enxerto é retirado da área doadora, torna-se pálido 

2. Quando suturado a área receptora, mantem-se aderido por uma camada de fibrina e o seu suprimento é feito pelo extravasamento de hemácias.

3. Esta fase ocorre nas primeiras 24h 

17

O que acontece na fase de inosculação do enxerto?

1. Acontece após as primeiras 48hrs.

2. É possível observar a formação de anastomoses entre os vasos da área receptora e do enxerto.

18

O que acontece na fase de revascularização do enxerto?

1. A circulação sanguínea no enxerto começa a ser mais eficiente a partir do quinto dia.

2. Por volta do 21º dia é considerado integrado.

19

Como é a inervação de um enxerto?

Inervação é ausente no início.

20

Em que a espessura de um enxerto influencia na inervação?

1. Quanto menor a espessura, mais rápido obtêm-se sensibilidade.

2. Mas nunca será igual a pele sã, principalmente a sensibilidade.

21

Quais são os fatores que interferem no sucesso de um enxerto?

1. Desnutrição

2. Diabetes

3. HAS

4. Tumores malignos em atividade

5. Antinflamatórios Hormonais 

6. Imunossupressores

7. Anticoagulantes

22

Como deve ser feita a escolha da área doadora de pele?

1. Deve considerar as necessidades da área receptora,

2. As sequelas que a retirada do enxerto determina.

3. Qualidade e coloração da pele.

23

Quais os locais escolhidos para retirar pele para um enxerto total?

1. Região retroauricular

2. Supraclavicular

3. Pálpebra superior

4. Região inguinal

5. Face flexora do punho → áreas “escondidas”.

**Geralmente tira mais da pálpebra superior e da região inguinal.

24

Quais os locais escolhidos para retirar pele para um enxerto parcial?

1. Podem ser retirados de qualquer parte do corpo (porque vão cicatrizar)

2. Dando-se preferência a áreas menos expostas A. principal face interna da coxa B. tecido do couro cabeludo, C. face externa da coxa.

25

Como é feito o curativo de um enxerto?

1. Mantido intocado por 5 dias, durante a integração (área de ressecção não pode fechar).

2. Precisa ser bem fixado para garantir a imobilidade do enxerto (fibrina firma o enxerto e hemácias perfundem).

26

O que é um curativo de Brown?

1. Curativo da área receptora.

2. É um curativo compressivo feito no enxerto.

3. Em extremidades é feito com fita crepe.

4. A gaze é suturada sobre o enxerto e o algodão pressionando área do enxerto → fios amarrados prendendo o algodão na área.

27

Quais são as principais complicações dos enxertos?

1. Hematoma ou seroma

2. Infecção

3. Movimentação (cisalhamento).

28

O que são retalhos?

1. São segmentos de tecido transferidos de uma região para outra, mantendo com a primeira sempre uma conexão vascular, que pode ser temporária ou definitiva OU

2. Segmento de tecido parcial ou completamente isolado perfundido com seu próprio segmento vascular.

29

O que é um retalho tipico?

É aquele que apresenta:

1. Pedículo através do qual passam os vasos nutridores;

2. O corpo, que é o retalho propriamente dito;

3. E a extremidade, que é a face incisada para a mobilização.

30

Quais são as indicações dos retalhos?

1. Cobrir áreas com vascularização precária

2. Cobrir estruturas nobres expostas

3. Reconstruir a forma corporal (ex: mastectomia → retalho de músculo grande dorsal ou reto abdominal).

4. Acolchoar proeminências ósseas ou áreas passíveis de compressão constante (ex: paciente com úlcera de decúbito)