Dor Abdominal (inflamatório, isquêmico E metabólico) Flashcards Preview

MED 2019 - Cirurgia > Dor Abdominal (inflamatório, isquêmico E metabólico) > Flashcards

Flashcards in Dor Abdominal (inflamatório, isquêmico E metabólico) Deck (83)
Loading flashcards...
1

Quais as principais causas metabólicas que simulam abdome agudo?

*Intoxicação pelo chumbo
*Porfiria intermitente aguda
*Cetoacidose diabética
*Insuficiência adrenal

2

Qual o principal dado da história clínica chama atenção para abdome agudo causado por intoxicação por chumbo?

Exposição ocupacional: indústria automobilística, fábrica de baterias, exposição a tinta, mineração

3

Quais os três A’s da intoxicação pelo chumbo?

*Anemia: micro/hipo, pontilhados basofílicos
*Abdome: dor abdominal difusa
*Amnésia, encefalopatia aguda, demência

Outras: neuropatia periférica, nefrite proximal (Sd Fanconi), gota, HAS, infertilidade

4

Qual achado semiológico bucal é sugestivo de intoxicação por chumbo?

Linha gengival de Burton

5

Como é feito o diagnóstico da intoxicação pelo chumbo?

Dosagem sérica (>25 mcg/dl)

6

Qual o tratamento da intoxicação pelo chumbo?

*Interromper exposição
*Quelante: EDTA

7

Quais os dois tipos mais importantes de porfiria? Qual simula abdome agudo?

*Porfiria Cutânea Tarda (PCT): quadro cutâneo (úlceras, erosões, hipertricose em áreas fotoexpostas)
*Porfiria Intermitente Aguda (PIA)

Abdome agudo: Porfiria Intermitente Aguda (PIA)

8

Qual a fisiopatologia da porfiria?

Distúrbio na síntese da porfirina (componente do heme), em que há deficiência enzimática em alguma etapa, com acúmulo de metabólitos

9

Qual a principal fonte de porfirina do organismo?

Heme (porfirina + ferro)

10

Qual a deficiência enzimática ocorre na Porfiria Intermitente Aguda?

Deficiência de HMB sintase = acúmulo de ALA e PBG

11

Qual o quadro clínico da Porfiria Intermitente Aguda?

*Dor e distensão abdominal
*Hiperatividade simpática (~feocromocitoma)
*Neuropatia periférica
*Distúrbio psiquiátrico e convulsão
*Quadro PRECIPITADO por algum: álcool/droga/medicamentos/estresse/intoxicação pelo chumbo

12

Qual achado no exame físico é peculiar da Porfiria Intermitente Aguda quando comparada as outras causas de abdome agudo?

Peristaltismo aumentado (simula abdome obstrutivo)

13

Como é feito o diagnóstico de Porfiria Intermitente Aguda?

Dosagem de PBG (porfobilinogênio) urinário > 50 mg/dia (urina arroxeada)

14

Qual o principal desencadeante da Porfiria Intermitente Aguda?

Intoxicação pelo chumbo

15

Qual o principal agente etiológico da Febre tifoide?

Salmonella tiphy

16

Como se adquire febre tifoide?

Transmissão fecal-oral

17

Quais os principais alimentos associados a febre tifoide (contaminação pela Salmonella tiphy)?

Leite e derivados, ostras, moluscos, mexilhão

18

Quais as fases clínicas da Febre tifoide? Qual o sítio de replicação da bactéria em cada fase e sinais e sintomas associados?

BACTEREMIA (1-2a semana)
*Infecção TGI (placa de Peyer)> disseminação hematogênica
*Quadro abdominal: dor, diarreia
*Sinal de Faget (dissociação pulso-temperatura)

HIPERREATIVA (3-4a semana)
*Disseminação para vísceras (infecta macrófagos) e produção intensa de citocinas
*Hepatoesplenomegalia, roséolas, torpor ou coma


CONVALESCENÇA (a partir 4a semana)

19

Qual o método diagnóstico preferencial para isolamento da Salmonella tiphy (Febre tifoide) conforme fase da doença?

*Bacteremia: hemocultura
*Hiperreativa: mielocultura
*Convalescença: coprocultura

20

Qual o método diagnóstico mais sensível para isolamento da Salmonella tiphy (Febre tifoide)?

Mielocultura (pode ser positiva mesmo com uso de atb)

21

Qual a desvantagem de usar a coprocultura para o isolamento da Salmonella tiphy para o controle de cura de febre tifoide?

Falso positivo no caso de portadores crônicos

22

Qual o perfil de pacientes portadores crônicos que são os perpetuadores de transmissão da Salmonella tiphy?

Mulheres idosas, pacientes com doenças biliares

23

Qual a complicação mais comum da Febre tifoide? E a mais grave?

Mais comum: sangramento gastrointestinal
Mais grave: perfuração

24

Qual o principal sítio de perfuração gastrointestinal em caso de Febre tifoide?

Íleo

25

Qual o tratamento da Febre tifoide? Qual a primeira escolha de acordo com MS?

Ciprofloxacino, Ceftriaxone

MS: Cloranfenicol

OBS: é possível adicionar corticoide se quadro exuberante

26

Existe vacinação para Febre tifoide?

Sim, mas apresenta baixa imunogenicidade
Indicada para casos restritos para sujeitos a exposição excepcional

27

Qual a principal causa de abdome agudo cirúrgico?

Apendicite aguda

OBS: inclusive em gestantes (excluindo causas obstétricas)

28

Qual a fisiopatologia da apendicite aguda?

Obstrução apêndice > proliferação bacteriana + secreção de muco > distensão > redução retorno venoso > isquemia e gangrena

29

Qual o principal fator obstrutivo do apêndice?

Fecalito

Outros: hiperplasia linfoide, sementes

30

Qual o principal dado da história clínica é sugestivo do diagnóstico de apendicite aguda?

Migração da dor periumbilical para FID (+- 12-24h)