OFTALMO Flashcards Preview

ESPECIALIDADES > OFTALMO > Flashcards

Flashcards in OFTALMO Deck (82):
1

PRINCIPAL CAUSA DE CEGUEIRA

IRREVERSÍVEL

REVERSÍVEL

PRINCIPAL CAUSA DE CEGUEIRA

IRREVERSÍVEL GLAUCOMA DE ANGULO ABERTO

REVERSÍVEL CATARATA

 

CATARATA CAUSA MAIS COMUM DE CEGUEIRA POR FREQUENCIA🚩

2

Conduta em queimadura ocular por alcali

Lavagem com soro fisiologico ou agua corrente

Corticoides topicos

Colirios ATB

Lubrificantes

3

Ceratocone causa de 

Q image thumb

ASTIGMATISMO

4

Definição de Calázio x Hordéolo

Calázio: Inflamação granulomatosa de glándulas sebáceas da palpebra

Hordéolo: inflamação purulenta das glandulas sebáceas

5

🚩A acuidade visual 20/20 só e alcançada na criança com idade de...

Quatro a cinco anos

6

Tipos de lentes em:

Astigmatismo

Hipermetropia

Miopia

Tipos de lentes em:

Astigmatismo: esfero cilindricas

HipermetrOpia, Presbiopia: convergentes biconvexas (+)

MΠopia: divergentes biconcavas (-)

A image thumb
7

Fases e achados da retinopatia diabética

Não Proliferativa (Mico duro chama algodão de rosa)

Microauneurismas (Precoce)

Exudatos duros (precoce)

Hemorragia em chama de vela

Manchas algodonosas

Veias em rosario

Anormalidades vasculares (IRMA)

*Tto: controle glicemico

Prolferativa

Neovasos

Hemorragia vitrea/ Decolamento tracional de retina

*Tto: fotocoagulação laser

A image thumb
8

Olho vermelho apos pequeno trauma

Conduta

Q image thumb

Hemorragia subconjuntival

Conservador

Curativo oclusivo compressivo, analgesia e avaliação por oftalmo

9

DD olho vermelho doloroso perilimbico

  1. Glaucoma agudo: pupila intermedia
  2. Uveite anterior: miose

10

🚩Trauma ocular fechado com amaurose

Reflexo pupilar lentificado, reflexo vermelho ausente

Oftalmoscopia indireta porção pregueada da retina

Trauma ocular contuso com descolamento de retina

11

UVEITE ANTERIOR MAIS COMUM EM CRIANÇAS

ARTRITE IDIOPATICA JUVENIL

(Forma pauciarticular)

12

Uso da TONOMETRIA (medição da PIO) no glaucoma

Apenas avalia RISCO (30% PIO alta tem glaucoma) Não é diagnostico

13

Tratamento intervencionista de glaucoma

Trabeculoplasta (laser) ou trabeculectomia

1- PIO alvo não alcançada

2- Progressão de lesão glaucomatosa

3- Intolerancia a colirio

14

OLHO VERMELHO DOLOROSO

ARTRITE REUMATOIDE

DX

Q image thumb

esclerite anterior

15

16

ALGORITMO OLHO VERMELHO

Q image thumb

A image thumb
17

Paciente estava martelando ferro cuando sentiu que um objeto caiu no seu olho esquerdo.

EF: desvio da pupila (corectopia) e material de coloração escurecida na cornea

Suspeita dx e condua

Corectopia = Suspeita de Perfuração Ocular

Oclusão de olho e encaminhar

18

🚩TRATAMENTO DE GLAUCOMA DE ANGULO FECHADO

  1. Colirio betabloqueador: Timolol
  2. Colirio Alfa-2-Adrenergico: Apraclonidina
  3. Colirio Colinergico: Pilocarpina (miótco)
  4. Colirio esteroide: Prednisolona
  5. Acetazolamida VO
  6. Manitol IV
  7. Decubito supino, analgesia, antieméticos

19

EXAME DIAGNOSTICO E TRIAGEM DE GLAUCOMA Triagem a quem?

1- Fundoscopia: excavação da papila, lámina cribiforme + 2- Perimetria Triagem a pacientes com fator de risco

20

DEFINIÇÃO DE GLAUCOMA

Degeneração irreversível de axonios da papila do nervo optico. (NEUROPATIA DA PAPILA OPTICA) 85% tem aumento da PIO Mais comum bilateral mas assimétrico

21

TIPOS DE INJEÇÃO CONJUNTIVAL

A image thumb
22

23

🚩Paciente com conjuntivite que piorou hiperemia comjuntival apos uso de corticoide

Blefaroconjuntivite folicular unilateral com padrão dentritico e ulceração da cornea apos fluoresceina

Agente

Ceratoconjuntivite Herpética

 

Aciclovir pomada ou VO

24

Tratamento de Glaucoma

Colirio de betabloqueador (Timolol)

Alvo: reduzir PIO 20-40% e reavaliar em 3m

25

🚩Foliculo elevado no limbo, cercado por hiperemia conjuntival.

Frequentemente associada com blefaroconjuntivite cronica estafilococcica

Ceratoconjuntivite flictenar

26

DIAGNOSTICO DIFERENCIAL DE EDEMA DE PAPILA

A image thumb
27

Asiática, esquimá > 50 anos

Dor ocular e retroorbitaria súbita apos uso colirio midriatico (tropicamida), estresse, ambiente meia luz, sertralina, amitriptilina (serotoninergicos)🚩

Cefaleia, fotofobia, lacrimejamento, vómitos, sudorese Borramento visual, halos em volta das luce

EF: olho vermelho com injecção perilimbica/ciliar 

Pupila meia-midriase(4mm) não fotoreagente🚩

PIO elevada

Teste de iluminaçao oblicua ilumina apenas temporal Teste de Van Herick grau 1 (fechamento provável) Triage Gonioscopia (PO)

Glaucoma agudo de angulo fechado

Principal mecanismo bloqueio pupilar

🚩Tratamento: Colirio timolol(BB), colirio pilocarpina(miotico), colirio clonidina (alfa ag) manitol, acetazolamida, colirio prednisolona, deitar supino  

+ Iridotomia a laser (Apos resolução do edema)

28

Menina com 3 anos

Artrite de joelho há 5 meses, tornozelo há 3 meses

VHS, PCR (+) FAN (+) FR (-)

Dx e achado oftalmologico

ARTRITE IDIOPATICA JUVENIL PAUCIARTICULAR 

Mais comim

UVEITE ANTERIOR CRONICA = FAN (+)

 

Artrite: > 6 semanas

Pauciarticular: <5 articulações

Meninas < 4 anos

 

29

A orientação terapeutica nos casos de estrabismo divergente deve ter como meta

Eliminar o fator acomodativo a través de refração total

 

No ​Estrabismo convergente congenito com fixação alternante a acuidade visual é semelhante (mas não ajuda a visão binocular)

30

Dor, edema, eritema palpebral com secrreção purulenta

Dx, agente, Conduta

Q image thumb

Hordéolo

S. aureus

Compressas mornas

ATB apenas com celulite ou adenopatái pre auricular

Drenagem a refratários

31

DIAGNOSTICO

Paciente com dermatite atópica, prurido ocular frequente, quemose, secreção mucoide

Q image thumb

Conjuntivite com papilas gigantes

COnjuntivite alergica crónica

32

🚩Dor, epifora e fotofobia referidas imediatamente após cirurgia de palpebras é indicativo de:

ABRASÃO DE CORNEA

33

CLINICA DE GLAUCOMA

Inicio insidioso assintomático Deficit visual periferico Tunelização visual

34

ESTRABISMO FISIOLÓGICO

ATE 6 MESES

 

35

Pressão intraocular normal

< 21 mmHg

36

Hifema

Hemorragia na camara anterior

37

Elementos do GPAA

1- Neuropatia Glaucomatosa (FO: Papila axcavada)

2-Angulo aberto: sem alteração para absorção de humor aquoso

3- Sem causa secundaria

4- Inicio adulto (não congénito)

38

Paciente com visão dupla na mirada lateral

Dificuldade na adução do olho esquerdo e nistagmo na abdução do olho direito (estrabismo divergente)

Reflexo de convergencia normal e pupilas normais

Oftalmoplegia internuclear

Lesão do FLM

Não é paralisia de III nervo por ter convergencia normal, pupila normal e não ptose.

39

🚩Pupila de Argyll Robertson

Pupila miotica, irregular, não fotorreagente

Reflexo acomodação preservado

Bilateral

Tabes dorsalis (neurosífilis)

A image thumb
40

Olho vermelho (reação papilar), desconforto 🚩lacrimejamento, secreção purulenta persiste ao longo do dia, pseudomembrana

Sem adenopatia pre auricular

Bilateral

Dx, Agente, Conduta

Conjuntivite bacteriana

S. aureus, Pseudomona (lentes de contato)

ATB colirio (cipro, tetraciclina) por 7 dias

Não tobramicina: risco de reação

Doença autolimitada, ATB apenas melhora

MUITO CONTAGIOSA

 

41

TIPOS DE GLAUCOMA

1-Glaucoma cronico de Angulo Aberto MAIS COMUM 90%

2- Glaucoma agudo de angulo fechado

3- Glaucoma secundario

4- Glaucoma congenito

42

Hipertrofia congenita de epitelio pigmentado da retina

Tumores ósseos, mesenterio, ampulares

Polipose Adenomatosa Familiar

SINDROME DE GARDNER

43

Paciente diabetico com moscas volantes, flashes luminosos

Pensar em descolamento tracional de retina

Moscas volantes podem ter pessoas sem doença

44

FLUXO DE HUMOR AQUOSO

  1. Corpo ciliar
  2. Camara posterior
  3. Pupila
  4. Camara anterior
  5. Malha trabecular
  6. Canal de Schlemm

A image thumb
45

Olho vermelho sem dor, reação folicular

Lacrimejamento e secreção mucoide (pode purulenta) Pior ao acordar

IVAS, faringiteadenopatia pre auricular

Febricula, dor no corpo

Q image thumb

CONJUNTIVITE VIRAL

Febre Faringoconjuntival (Adenovirus)

Conduta: compressas de agua gelada, colirio lubrificante

NÂO CORTICOIDES (risco conjuntivite x herpes)🚩

MUITO CONTAGIOSA

46

Causa mais comum de amaurose fugaz

Embolismo de arterias da retina

Associado a FR como HAS, DM

47

🚩MEGALOCORNEA 

Diametro corneano no RN Maior a 12mm

Meninos (ligada ao X)

Associadoa  craniosinostose, marfan, Alport

48

Toxocariase ocular

Leucocoria unilateral em crianças 🚩

Endoftalmite cronica, granuloma no polo posterior

49

Caracteristicas papiledema por HIC🚩

  1. Acuidade visual preservada em fases iniciais
  2. Bilateral
  3. Reflexos normais
  4. Hipertensão intracraniana

50

🚩CONJUNTIVITE MAIS COMUM

CONJUNTIVITE VIRAL

🚩(Adenovirus)

51

52

Paciente apos trauma contuso ocular e derrame intraocular (hemorragia subconjuntival)

Conduta

Analgesia e curativo oclusico compressivo

Encaminhar ao oftalmologista (Não grave mas pode associar a outras complicações)

53

🚩Menino de 5 anos

Eritema e edema de olho direito

Conjuntivite granulomatosa e linfonodo pre auricular

Outros linfonodos palpáveis

Gato novinho há 4 meses

Agente

Bartonella hanselae

54

FATORES DE RISCO PARA GLAUCOMA

1- Aumento da PIO > 21 mmHg ----> 30% desenvolvem Glaucoma

2- Brancos >65 anos

3- Negros > 40 anos

4- Historia familiar (1° grau)

5- DM, Miopia alta, corticoide

55

CAUSAS MAIS COMUNS DE LEUCOCORIA

 

Conduta

  1. Retinoblastoma: < 3 anos, estrabismo🚩
  2. Catarata congénita: rubéola, sífilis, toxo🚩

Encaminhamento precoce ao oftalmologista

Outras causas: retinopatia da prematuridade, toxocariase, hiperplasia de vitreo primitvo, doença de Coats, hamartoma astrocitico, coloboma de coroide

56

Exudato retiniano em queijo com ketchup

Coriorretinite por CMV

HIV CD4 < 50 cel

57

🚩Função e inervação de

  • M. elevador do párpado
  • M. orbicular

Função e inervação de

  • M. elevador da palpebra (III°NC): eleva palpebra
  • M. orbicular (VII° NC): fecha olho

58

LESÃO DE QUIASMA OPTICO

HEMIANOPSIA HETERONIMA BITEMPORAL

Homônima: ambas as metades E ou D dos campos visuais considerados separadamente.
Heterônima: ambas as metades temporais ou nasais.

59

PRESBIOPIA

Perda de acomodação para perto do cristalino > 40 anos

Uso lentes convergentes biconvexas (multifocais)

A image thumb
60

RETINOPATIA HIPERTENSIVA

Classificação de Keith-Wegener

Grau I: Estreitamento aarteriolar

Grau II: Cruzamento AV patologico

Grau III: manchas algodonosas

Grau IV: papiledema

 

Aguda: III e IV

Cronica: I e II

 

Sinal de Salus, Bonnet e Gunn

61

Acuidade visual

Visão normal:

Visão subnormal ou baixa:

Cegueira: 

Acuidade visual

Visão normal: 20/20 ou 1

Visão subnormal ou baixa: 20/60 ou 0,3

Cegueira: 20/400 ou 0,05

62

Eritema e edema leve palpebral

🚩Aparição de nodulo indolor amarelado pouco inflamado

Diagnostico

Conduta

Q image thumb

Calázio

Compressas mornas 🚩

Cirurgia para refratários e grandes

63

TRACOMA

Q image thumb

TRACOMA

Ceratoconjuntivite por C. trachomatis

NÂO È DST, transmissão por contato proximo, moscas

MUITO CONTAGIOSO, aislar doente

Azitromicina

64

Colirios midriáticos

  • TROPICAMIDA
  • FENILEFRINA

65

Criança de 10 meses

Desvio de olho diireito + olho de gato

Conduta

Fondo de olho em busca de leucocoria

Suspeita de retinoblastoma

66

🚩Oftalmopatía de Graves

  • Tabagismo FR
  • Pode levar a oftalmoplegia oftalmica e compressão do nervo optico
  • Tto: CORTICOIDES (ppal), Iodo-R, 
  • Evolução não previsívelF

67

DD glaucoma agudo de angulo fechado e uveite aguda

Os dois: olho vermelho (perilimbico), doloroso

Glaucoma: Meia-midriase

Uveite aguda: Miose, Associado a doença sistemica

68

Achados no FO da Hipertensão Intracraniana

Borramento das bordas da papila

Sobreelevação do disco óptico

Ingurgitamento vascular peripapilar

69

Caracteristicas neurite óptica

  1. Baixa acuidate visual
  2. unilateral
  3. Dor 90%
  4. Reflexo pupilar dominuido 
  5. Tipos: retrobulbar ou papilite (edema, 1/3 )

ASSOCIADO A ESCLEROSE MULTIPLA

PULSOTERAPIA DE METILPREDNISOLONA

70

RN 12-24 horas apos o parto, mãe sem prenatal

Secreção conjuntival purulenta bilateral

Gram diplococos gram negativos

Q image thumb

Conjuntivite gonoccocica

Ceftriaxone IV agudo (risco perfurar cornea) 🚩

 

DD: conjuntivite por clamidia(mais comum):🚩

Apos 5-14 dias, secreção mucopurulenta, OMA

Conjuntivite quimica (nitrato de prata): sec. acuosa

71

Retinopatia da prematuridade

 

  • Doença vascular da retina (Leucocoria)
  • RN < 1500g
  • RN < 32 semanas
  • Oxigenoterapia

72

73

EFEITOS ADVERSOS DE USO DE COLIRIO CORTICOIDE

GLAUCOMA 🚩Por Aumento da PIO

CATARATA🚩(subcapsular)

ULCERA DE CORNEA

74

🚩Conduta em erosão de cornea após trauma com objeto de pequeno tamanho (lente de contato)

Encaminhar ao oftalmologista se o quadro persistir > 48 hs (Tempo reepitelização)

Avaliação com fluoresceina

Uso colirio anestésico para remoção de corpo estranho

75

🚩RN com

Fotofobia +

Lacrimejamento +

Blefarospasmo

Cornea translúcida, buftalmo

GLAUCOMA CONGENITO

Inicio até 3 anos 🚩

Causa de cegueira e ambliopia

Associados a outras doenças oculares ou sistemicas

Bilateral +++

Dx por tonometria e FO

Cirurgico

76

Principal fator de risco de ulcera de cornea

Uso de lente de contato

Pseudomonas mais frequente

77

🚩Paciente com rebaixamento súbito de conciencia

FO: hemorragia sub hialinoide ou sub retiniana

Suspeita?

Q image thumb

HEMORRAGIA SUBARACNOIDE

78

AMBLIOPIA

Definição

Causa mais comum

Correção

AMBLIOPIA

Definição perda da acuidade visual sem doença no olho ou nervo em menores de 7 anos (origem SNC)

Causa mais comum: ESTRABISMO

Correção: até 7 anos

79

Espondiloartropatia soronegativa (E. anquilosante, A. reativa, Sd. Reiter)

Olho vermelho (perilimbica), doloroso, hipopio, miose🚩

Baixa acuidade visual

Redução da PIO

UVEITE ANTERIOR AGUDA

(Iridociclite)

80

SINAL CARACTERISTICO DE FRATURA DE ASOALHO DE ORBITA

ENOFTALMIA

81

Fotopsias + Perda súbita de visão

Dx e tipos

Descolamento de retina

  • Regmatogénico: mais comum. Espontaneo, trauma. Cx urgente (retinopexia)
  • Tracional: Diabetes proliferativa. Cx (Vitrectomia lise)
  • Seroso: doença inflamatoria ou neoplasica. Tto causa base

82

TIPOS DE CATARATA

  • Nuclear:
  • Cortical anterior:
  • Subcapsular:

TIPOS DE CATARATA

  • Nuclear:
    • Mais comum
    • Miopização -> melhora de presbiopia
    • Lento
  • Cortical anterior:
    • Hipermetropização
  • Subcapsular:
    • Perda da acomodação