Vulvovaginites Flashcards Preview

X - Ginecologia > Vulvovaginites > Flashcards

Flashcards in Vulvovaginites Deck (19)
Loading flashcards...
1

Vulvovaginite mais comum e agente infeccioso causador

Vaginose bacteriana. Gardnerella vaginalis

2

Corrimento vaginal branco-acinzentado, fluido, revestindo finamente as paredes vaginais, odor de peixe podre que se exacerba após o coito e durante menstruação.

Vaginose bacteriana

3

Prurido vaginal, corrimento vaginal branco, grumoso e inodoro, prurido vulvar, eritema e edema da pele dos lábios e vulvar.

Candidíase vulvovaginal

4

Corrimento vaginal abundante, verde-amarelado e bolhoso, irritação vulvar, prurido, colpite tigroide

Tricomoníase

5

Fatores que aumentam o risco de vaginose bacteriana

Sexo oral, sucessivas ejaculações intravaginais e duchas vaginais

6

Critérios de Amsel para diagnóstico de vaginose bacteriana

3 ou mais:
- Corrimento vaginal fino, homogêneo, branco acinzentado.
- pH vaginal > 4,5
- Teste das aminas positivo
- Presença de clue cells

7

Riscos para gestantes com vaginose bacteriana

Ruptura prematura de membrana, parto pré-termo, corioamnionite e endometrite pós-cesárea

8

Tratamento de vaginose bacteriana

Metronidazol 500 mg VO 12/12h por 7 dias

ou

250 mg VO 8/8h por 7 dias (gestantes 2º e 3º trimestre)

ou

Clindamicina 300 mg VO 12/12h por 7 dias (2ª opção convencional ou para gestantes no 1º trimestre)

9

Fatores associados ao desenvolvimento de candidíase

Uso de ATB, gravidez, DM, uso de corticoide, contraceptivo oral combinado, estresse e imunossupressão

10

Época preferencial de aparecimento da candidíase

Período pré-menstrual

11

Tratamento candidíase vulvovaginal

Miconazol 2% creme vaginal por 7 dias

ou

Nistatina 100.000 UI via vaginal por 14 dias

12

Tratamento candidíase recorrente

Fluconazol 150 mg/d VO 1x por semana por 6 meses

13

Período de exacerbação dos sintomas da tricomoníase

Pós-menstrual

14

Tratamento da tricomoníase

Metronidazol 2g VO dose única

ou

Metronidazol 500 mg VO 12/12h por 7 dias

Obs.: Necessidade de tratar parceiro

15

Corrimento vaginal purulento, dispareunia, sangramento pós-coito, mucosa vaginal pálida, seca e delgada.

Vaginite atrófica

16

Principais agentes etiológicos das cervicites

Neisseria gonorrhoeae e Chlamydia trachomatis

17

Manifestações clínicas das cervicites

Secreção mucopurulenta com descarga pelo orifício externo do colo uterino; pode haver prurido, disúria, dispareunia. O colo está edemaciado, eritematoso e friável

18

Tratamento das cervicites

Ceftriaxona 500 mg IM dose única + Azitromicina 1g VO dose única (ou Doxiciclina 100 mg 12/12h por 7 dias)

19

O que é síndrome uretral?

Sintomas de infecção urinária, mas urina tipo 1 com leucocitúria e urocultura negativas. Causada pela Clamídia.