154 - Abcesso Pulmonar Flashcards Preview

Pneumo - 2017 > 154 - Abcesso Pulmonar > Flashcards

Flashcards in 154 - Abcesso Pulmonar Deck (53):
1

Qual o maior factor de risco para formação de abcesso pulmonar primário?

Aspiração. (Doentes em risco: alt. estado mental; alcoolismo; overdose drogas; convulsões; disfunção bulbar; eventos cardiovasculares ou cerebrovasculares anteriores; doença neuromuscular; dismotilidade esofágica, lesões esofágicas (estrituras ou tumores); distinção gástrica e/ou refluxo gastroesofagico; decúbito).

2

Quais as localizações mais comuns de um abcesso pulmonar primário?

- segmentos dependentes (lobos superiores posteriores e porção superior dos lobos inferiores).

- pulmão direito.

3

Que antibióticos são usados no tratamento de um abcesso pulmonar primário? Duração do tratamento?

- clindamicina

- b-lactâmicos/inibidores b-lactamase -> se doente estável -> amovi/clav Duração: 3-4 semanas, até 14 semanas.

4

V ou F. A presença de bactérias anaeróbias é factor de mau prognóstico.

Falso. A presença de bactérias aeróbias é factor de mau prognóstico. Outros:

1. Idade superior a 60 anos;

2. Sépsis à apresentação;

3. Duração dos sintomas superior a 8 semanas;

4. Abcesso superior a 6cm

5. Abcesso secundário

5

Os abcessos pulmonares geralmente são evidentes por uma cavidade dominante de diâmetro superior a __ cm.

2 cm.

6

Os abcessos primários correspondem a cerca de __% dos casos e geralmente ocorrem devido a _______, frequentemente causados por bactérias _________.

80% dos casos; aspiração; anaeróbias

7

Abcesso pulmonar: Os homens de meia-idade são mais comummente afectados do que as mulheres de meia-idade. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

8

Muitos médicos consideram extremamente raro o desenvolvimento de abcessos pulmonares na ausência dos dentes enquanto ninho para colonização bacteriana. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

9

Quais os dois factores importantes para o desenvolvimento de abcessos pulmonares?

Risco de aspiração combinado com colonização das fendas gengivais (++ anaeróbios e streptococcos microaerofílicos)

10

Os anaeróbios provavelmente produzem necrose tecidual mais extensa em infeções polimicrobianas, nas quais os factores de virulência de várias bactérias podem actuar sinergicamente causando destruição tecidual mais significativa. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

11

No abcesso pulmonar primário, quantos dias após a pneumonite se desenvolve a necrose e cavitação pulmonar?

7-14 dias

12

Em que condições pode haver embolização séptica, formando abcessos secundários?

- Endocardite da válvula tricúspide (++ S. aureus)

- Síndrome de Lemierre (++ Fusobacterium necrophorum)

13

Quais os microorganismos envolvidos no abcesso pulmonar primário?

Anaeróbios e streptococcos microaerofílicos

14

Quais os agentes mais frequentes de abcesso pulmonar secundário?

P. aeruginosa e outros bacilos gram-negativos

15

O pulmão esquerdo é mais comummente envolvido nos abcessos primários. Verdadeiro ou falso?

Falso. Pulmão direito

16

A microbiologia dos abcessos pulmonares primários é frequentemente polimicrobiana. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

17

No abcesso pulmonar primário, as taxas de recuperação de isolados especificos é cerca de 78%. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

18

A identificação de um anaeróbio isolado altera a resposta de tratamento nos abcessos pulmonares primários. Verdadeiro ou falso?

Falso. Não está esclarecido se altera ou não

19

Em cerca de 40% nenhum agente é isolado no abcesso pulmonar primário. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro. A presença de anaeróbios é muitas vezes presumida.

20

Hálito, expectoração ou empiema com odor fétido é essencialmente diagnóstico de abcesso por aeróbios. Verdadeiro ou falso?

Falso. ANAERÓBIOS

21

Existe uma incidência significativa de infeções fúngicas entre individuos imunosuprimidos após transplante. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

22

No abcesso pulmonar primário é de especial importância a obtenção de material de cultura de modo a dirigir a terapêutica. Verdadeiro ou falso?

Falso. No abcesso pulmonar SECUNDÁRIO

23

Que doentes podem apresentar um curso mais fulminante (febre alta e rápida progressão)?

Doentes infectados por organismos não-anaeróbios, como o S. aureus

24

Abcessos por anaeróbios muitas vezes apresentam-se de forma mais crónica e indolente. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro. Podem ter como manifestações clínicas suores nocturnos, fadiga e anemia

25

Doentes com abcesso pulmonar podem ter hipocratismo digital. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro.

Bronquiectasias

Empiema, abcesso pulmonar

Neo pulmao, mesotelioma

Fibrose quistica

Infecção, TB, sarcoidose

Cirrose

Asbestos

 

DII

Ocupacional

 

Coração: endocardite, IC, doenças congenitas

26

O enfarte pulmonar faz diagnostico diferencial com abcesso pulmonar. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

27

O Rx é melhor que a TAC para detectar abcessos pulmonares. Verdadeiro ou falso?

Falso. Vantagens da TAC: tem melhor resoluçao e permite uma detecção mais precoce, pode detectar patologia subjacente como malignidade, distingue abcessos periféricos de infecções da pleura.

28

Qual é a importancia da TAC na distinção entre abcessos perifericos e infecções da pleura?

O empiema necessita de drenagem URGENTE

29

Os métodos de colheita de expectoraçao mais utilizados sao os invasivos. Verdadeiro ou falso?

Falso

Sao os NÃO INVASIVOS

30

O gram e cultura da expectoraçao é de grande importancia no abcesso primario. Verdadeiro ou falso?

Falso. Em principio a infecçao é polimicrobial e as culturas nao reflectem a presença de anaerobios. Além disso nao há grande utilidade destes exames visto que nos abcessos PRIMARIOS se faz terapeutica empírica.

31

Em que situações sao recomendadas as culturas de expectoração, hemoculturas e os testes serologicos para microorganismos atípicos?

1 - Abcesso secundário

2 - Falencia da terapeutica empírica para abcesso primário

32

Quais sao os riscos da broncoscopia?

Extravasamento dos conteudos do abcesso para o outro pulmão

33

Quais sao so riscos da aspiração percutanea dos abcessos?

Pneumotorax e fistula broncopleural

34

Nos imunocomprometidos não é relevante a realizaçao de um diagnostico etiologico precoce. Verdadeiro ou falso?

Falso. É importante porque sao doentes mais frágeis e com menos possibilidade de responder a terapeutica empirica visto poderem estar infectados por um grande espectro de microorganismos.

35

A presença de um abcesso pulmonar é determinada pela imagiologia torácica. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

36

Os abcessos crónicos correspondem a cerca de __% dos casos.

40%

37

A clindamicina é superior à penicilina no tratamento do abcesso pulmonar. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

38

Qual o regime recomendando no tratamento de abcessos pulmonares primários?

Clindamicina IV até melhoria cliníca, depois passa a Oral OU Combinação B lactamico/beta lactamase IV e após melhoria clínica passa a amoxicilina-ácido clavulânico via Oral

39

Durante quanto tempo deve ser feita a terapêutica do abcesso pulmonar primário?

3-4 a 14 semanas. Deve ser continuada até a imagiologia mostrar desaparecimento do abcesso ou regressão até uma pequena cicatriz.

40

Metronidazol é um antibiotico muito eficaz isoladamente no tratamento do abcesso pulmonar primário, uma vez que cobre organismos anaeróbios e streptococcos microaerofílicos. Verdadeiro ou falso?

Falso

NÃO É EFICAZ isoladamente (não cobre os streptococcos microaerofilicos)

41

10-20% dos doentes com abcessos pulmonares secundários não respondem ao tratamento. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

42

Qual a terapêutica num doente com abcesso pulmonar que não responde ao antibiótico?

Resecção cirúrgica ou Drenagem percutânea do abcesso (++ maus candidatos cirúrgicos)

43

Abcesso pulmonar Cavidades de maiores dimensões à apresentação podem correlacionar-se com o desenvolvimento de ________________ ou _______________.

Alterações císticas persistentes (pneumatocelos) ou Bronquiectasias

44

Qual é a taxa de mortalidade dos abcessos pulmonares primários? e dos secundários?

Primários - ~2%

Secundários - tão altas quanto 75%

45

Em doentes de áreas endémicas para tuberculose ou com outros factores de risco para tuberculose, devem ser colhidas amostras de expectoração _________ para serem examinadas precocemente de forma a excluida esta doença

Amostras de expectoração INDUZIDAS Assim para a Pneumonia por P. jiroveci

46

Doentes com abcessos pulmonares por organismos não-anaeróbios, como o S. aureus, podem apresentar-se com um curso mais fulminante, caracterizado por febre alta e rápida progressão. Verdadeiro ou falso?

Verdadeiro

47

A incidência de abcesso pulmonar tem aumentado. V ou F?

Falso. Tem DIMINUIDO.

48

Uma infeção aguda carateriza-se por ter uma duração inferior a __-__ semanas.

4-6 semanas. Infeção crónica quando superior a este mesmo período de tempo.

49

Ao EO, o doente com abcesso pulmonar pode apresentar ausência do reflexo da deglutição. V ou F?

Verdadeiro.

50

Em que consiste o abcesso pulmonar pútrido?

- Hálito, expectoração ou liquido empiemático com odor fétido; Essencialmente diagnóstico de abcesso anaeróbio!

51

A presença de anaeróbios é muitas vezes presumida. V ou F?

Verdadeiro.

52

Um abcesso com dimensões superiores a __-__ cm de diâmetro tem menor probabilidade de responder ao ATB sem intervenções adicionais.

6-8 cm.

53

A profilaxia está sempre contraindicada. V ou F?

Falso. Pode ser feita em indivíduos de risco (ex: receptores de transplante de MO ou órgão sólido ou imunodeprimidos pelo HIV).