Roturas Flashcards Preview

Obstetrícia > Roturas > Flashcards

Flashcards in Roturas Deck (15):
1

Quais são os fatores de risco mais comumente associados à rotura uterina?

*Cesariana prévia
*Indução do parto

2

Como é denominada a síndrome de iminência da rotura uterina?

Síndrome de Bandl-Frommel

3

O que é o sinal de Bandl? E o sinal de Frommel?

SINAL DE BANDL = anel formado pela distensão do segmento inferior uterino (separando o segmento do corpo uterino)

SINAL DE FROMMEL = ligamento redondo torna-se palpável devido à sua distensão

CLÍNICA DA IMINÊNCIA DE ROTURA: paciente ansiosa, dor intensa, metrossístoles intensas

4

O que é o sinal de Clark e de Reasens (em obstetrícia)? O que significam?

SINAL DE CLARK = crepitação à palpação abdominal (enfisema subcutâneo)

SINAL DE REASENS = subida da apresentação fetal ao toque vaginal

SIGNIFICADO = rotura uterina consumada

OUTROS ACHADOS (rotura consumada): melhora da dor após rotura, cessação das metrossístoles, fácil palpação de partes fetais no abdome

5

Qual a conduta diante da iminência de rotura uterina?

Cesariana de urgência

6

Qual a conduta diante de uma rotura uterina consumada?

A depender do grau da extensão da lesão: histerectomia ou histerorrafia

7

O que é o espaço interviloso? E o seio marginal?

ESPAÇO INTERVILOSO = "meio" da placenta, é o espaço entre a parte fetal (membranas amnióticas) e a parte materna (útero)

SEIO MARGINAL = "borda" da placenta, é a extrema periferia do espaço interviloso

8

A rotura de seio marginal culmina em um sangramento de origem materna ou fetal?

Origem materna

9

Quais as características do sangramento gestacional por ruptura de seio marginal?

Mesmas características da Placenta Prévia: espontâneo, vermelho vivo, indolor, sem repercussões hemodinâmicas (geralmente), tônus uterino normal, sem sofrimento fetal

OBS: o diagnóstico de ruptura de seio marginal é muitas vezes retrospectivo (após o parto) e a confirmação é apenas histopatológica

O sangramento geralmente é benigno e sem repercussões.

10

Como diferenciar o sangramento por RUPTURA DE SEIO MARGINAL do sangramento por PLACENTA PRÉVIA?

Na ruptura de seio marginal, a placenta estará NORMOINSERIDA

11

O que é Vasa Previa?

É a interposição dos vasos do funículo (cordão umbilical), que cruzam o segmento inferior do útero e se colocam à frente da apresentação.

12

Qual anomalia do cordão umbilical é mais frequentemente associada a Ruptura de Vasa Previa (50% dos casos)?

Inserção velamentosa do cordão umbilical

Nesta condição, os vasos fetais, desprotegidos da geleia do cordão umbilical, penetram marginalmente a placenta (ao invés de centralmente como é o comum) e correm entre as membranas amnióticas antes de atingir o tecido placentário.

OUTRAS CONDIÇÕES: placenta sucenturiada (com lobo acessório, inserção marginal do cordão, placenta bilobulada)

13

V ou F: a ruptura de vasa previa, dentre todas as etiologias de sangramento gestacional, é a única que se associa a um sangramento de origem fetal, sendo por isso de MAIOR GRAVIDADE

Verdadeiro, cursa com Sofrimento Fetal Agudo

14

Qual a apresentação clínica do sangramento decorrente da Ruptura de Vasa Previa?

Sangramento APÓS AMNIORREXE OU AMNIOTOMIA (pela comum associação com inserção velamentosa de cordão) + Sofrimento Fetal Agudo

15

Diante da Ruptura de Vasa Previa, qual a conduta?

Cesariana de urgência