Opiáceos Flashcards Preview

FARMACOLOGIA > Opiáceos > Flashcards

Flashcards in Opiáceos Deck (8):
1

Pra quem servem os opiáceos?

Produzem ação de insensibilidade à dor (ANALGESIA) e são usados principalmente na terapia da dor crônica e da dor aguda de alta intensidade. Produzem em doses elevadas, euforia, estados hipnóticos, dependência, e alguns, como morfina e heroína, são usados como drogas recreativas de abuso

Os opiáceos são diferentes dos analgésicos comuns de venda livre. uma vez que os opiáceos são usados para tto dor classificadas como leves, moderadas e intensas, ao passo que os analgésicos de venda livre são indicados para dores leves, inibindo a COX.

2

Quais usos clínicos dos opiáceos?

1. Dor crônica: os opioides são a 1° escolha no tto da dor crônica pós-operativa, na dor provocada pelo câncer intratável e outras situações. O opioide mais utilizado para a dor crônica no passado era a Morfina, mas esta vem sendo substituída pelo Fentanil, que é mais potente e de ação mais
rápida, permitindo melhor controle e mais rápido alívio da dor.

2. Dor aguda forte: como no trauma, dor de cabeça (cefaleia) ou no parto. Não se deve utilizar Morfina em casos de cólicas biliares (que ocorre em casos de litíase biliar), pois eles podem provocar espasmos que intensificam ainda mais a dor. Se a dor é de origem inflamatória, é preferível optar por AINEs, ou
opioides fracos como o Tramadol, que também são analgésicos eficazes nessas situações.

3. Anestesia: como são sedativos, são por vezes, utilizados na preparação antes da inalação de anestésicos gasosos mais potentes, sendo responsáveis por promover a analgesia intraoperatória.

4. Supressão da tosse: alguns opioides fracos como a codeína, são por vezes incluidos em preparações anti-tóssicas. Há risco de acumulação das secreções com infecção.

5. Dispneia aguda, principalmente de causa cardíaca: os opioides, particularmente a morfina, são eficazes
contra esta condição de emergência. Julga-se que o efeito é devido à redução da ansiedade com regularização da respiração e menor esforço cardíaco.

6. Diarreia: como produzem redução da motilidade intestinal, são eficazes contra a diarreia. Não devem ser usados na diarreia de causa infecciosa, pois podem predispor à translocação bacteriana. A Loperamida tem poucos efeitos analgésicos e é preferível.

3

Quais principais exemplos de opióides?

1. Morfina

2. Fentanil

3. Tramadol

4. Codeína

5. Meperidina

6. Heroína

7. Metadona

8. Loperamida

4

Qual principal uso da Morfina?

O + usados dos opióides.
Dor crônica

5

Qual principal uso da Codeína?

Supressor da tosse...ou em dores

6

Qual principal uso da Loperamida?

Diarreia.
Não entra no cérebro

7

Quais a contraindicações da morfina?

1. Hipertensão craniana como na meningite: pois os opioides acentuam ainda mais esta hipertensão, aumentando a volemia desta região.

2. Gravidez: deve-se evitar opioides durante a gestação pois muitos deles atingem o feto, podendo realizar a depressão respiratória da criança ao nascer.

3. Insuficiência renal

4. Insuficiência hepática

5. Patologias das vias biliares

6. Juntamente com outros depressores do SNC, como álcool, benzodiazepinas e barbitúricos, antipsicóticos ou antidepressivos.

8

O que fazem e quais exemplos de ANTAGONISTAS opióides?

1. Naloxona
2. Nalorfina

Tem efeitos de bloquear os receptores opioides, impedindo opioides endógenos (endorfina ou administrados de atuar e servindo, assim, como antídotos.


Naloxona:
Usada em casos de overdose para evitar depressão respiratória fatal. Usada também para verificar
dependência de opioides. Em dependentes causa síndrome físico de deprivação imediatamente.
A naloxone é um fármaco usado para reverter estado de coma e depressão respiratória nas intoxicações opiáceas. Age como antagonista dos receptores opioides: em 30 segundos, ela consegue converter os efeitos de uma super-dosagem de opioides. Após uma cirurgia, por exemplo, deve-se eliminar o efeito residual da morfina utilizando a
Naloxone como adjuvante na anestesia.