Esofago Flashcards

1
Q

como se caracteriza a disfagia de transferência e suas causas

A

o paciente tem dificuldade de transferir e de iniciar um deglutição do alimento da boca para o esôfago (“ ENGASGO”) pelo acometimento do terço superior do esôfago estriado esquelético, pode haver regurgitação nasal, aspiração, tosse, sialorreia, disfonia. Pode apontar o pescoço como local do sintomas e que ainda há alimento no pescoço.

Podem ter histórico de pneumonias de repetição

OROFARINGEA
▪️ parkinson
▪️ AVC e tumores SNC
▪️ tumores orofaringe
▪️ diverticulos esofageano
▪️ Miastenia gravis
▪️ Sjogren (refere secura boca e olhos)
▪️ sarcoidose
▪️ sifilis
▪️ esclerose multipla

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
2
Q

causas e características de disfagia de condução

A
A disfagia de condução: ocorre ENTALO do alimento alguns segundos após a deglutição para esôfago acometendo o 2/3 inferiores de mm liso  e que estão impactados. Se sólidos 🍰 apenas, pode ser causa mecânica e se for para líquidos 💧 possivelmente  motora.  Avaliar a temporalidade ajuda a saber se rapidamente para CA ou progressivamente para estenose ou acalasia. Avaliar :
●1- Disfagia
●2- Regurgitação
●3- Perda peso/hematemese/anemia
●4- Halitose (pela ação bactérias)

CAUSAS

1) OBSTRUCAO MECANICA 🍰
▪️ Estenose péptica por DRGE, por RT de tumores de Cabeça ou pescoço ou por droga ou por Esclerodermia
▪️ Câncer esofago
▪️ Tumores compressivos extrínsecos extraluminal
▪️ Lesão caustica
▪️ Divertículo esofágicos
▪️ Esofagite eosinofilica (biopsia com > 15p/c com eDA mostrando múltiplos anéis parecendo traqueia)
▪️ Aumento AE ou aorta por alterações anatômicas
▪️Anel esofágico secundario a anemia ferropriva

2) DISTURBIO MOTOR 💧🍰
-▪️EED
-▪️ Esclerodermia*
-▪️Esôfago chagas/acalasia

  • Esclerodermia tem achados cutâneos e tem presença de esofagite e estenose por refluxo secundario a atrofia da musculatura ou pela esclerose da musculatura esofagiana
How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
3
Q

clinica de acalasia e inicio da investigação

A

destruição das céls do plexo mioenterico na parede do esôfago, causando falha no déficit de relaxamento do EEI e alterações da peristalse dessa porção distal do esôfago comumente entre 25-60anos e disfagia progressiva

  • Idiopática (+ comum)
  • Chagas
  • Amiloidose
  • Sarcoidose
  • Câncer gástrico

🔵 1- Regurgitação de alimentos (broncoaspiração)
🔵 2- Perda de peso (insidiosa e leve)
🔵 3- Disfagia condução progressiva para sólidos (90%) e líquidos (80%); disfagia rápida fala para CA
🔵 4- Sintomas de refluxo de alimento e de queimação retroesternal igual DRGE porém REFRATÁRIOS A TERAPIA COM IBP e devido a estase de alimentos na porção distal e fermentação ali
🔵 5- sensação de plenitude retroesternal após refeição
🔵 6- dificuldade de arrotar (80%) e relato de soluços
🔵 7- Risco de CA esôfago

☑️ 1–Manometria esofágica
falha relaxamento do EEI; hipertonia do EEI > 45, aperistalse dos terços distais
☑️ 2- EDA: excluir neoplasia na cárdia que pode mimetizar acalasia. Consegue ver alimentos retidos e notar dificuldade na progressão da parte distal e cárdia
☑️ 3- Esofagograma baritado + RX tórax: ausência de ar no estomago pela dificuldade do EEI e alargamento mediastinal por conta do esôfago

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
4
Q

diferencial e tratamento para acalasia

A

DIFERENCIAL
◼️ DRGE: possui sintomas de refluxo de alimento não digerido e alguma queimação, mas manometria é útil
◼️ CA estômago: pseudoacalasia pela destruição por invasão tumoral
◼️ Desordens motilidade: manometria diferencia

TRATAMENTO:
Visa diminuir Pressão EEI permitindo a passagem de alimentos por ele, seja por fármacos ou cirurgia, porém a progressão é irreversível, conforme classificado de Mascarenhas/Rezende

🟢MEDICAÇÕES (sintomáticos)
antes das refeições = até 4cm (GRAU 1)
◾️ Toxina Botulinica aplicada endoscopicamente no EEI
◾️ Nitrato de isossorbida 5mg SL 10-15min antes
◾️ Nifedipino 20mg 30min antes refeição

🟢 CIRURGIA
◾️ Dilatação endoscópica com balão do EEI =
4-7cm (GRAU 2)
◾️ Esofagomiotomia (Heller) + fundoplicatura parcial
7-10cm (GRAU 3)
◾️ Esofagectomia
> 10cm (GRAU 4)

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
5
Q

disfagia para sólidos exclusiva

disfagia para sólidos e líquidos

A

●Distúrbio Mecânico

●Motor ou mecânico

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
6
Q

EED definição e clinica

A

Distúrbio neurogênico hipermotilidade em que peristaltismo normal é substituído por Intensas contrações não propulsivas.com sintomas de de entalo e disfagia para sólidos e líquidos. Pode ter queimação como DRGE mas sempre acompanhados dos sintomas motores esofageanos e da dor no peito. e mimetizar DRGe, deve ser considerado na presença de possível DRGE refrataria a terapia IBP, daí a solicitação de esofagomanometria e phmetria, mas antes sempre solicitar EDA para descartar causas anatômicas

●Dor torácica + disfagia
Terços inferiores de mm involuntária

🔵 EED: MANOMETRIA
Múltiplas contrações com picos amplitude P > 120mmHg, prolongadas (> 2,5s) em >10% das deglutições

🟡1- Teste ergométrico ou outros exames antes para excluir doença coronária
🟡2-EDA com biopsia
🟡3- Esofagomanometria com teste provocativo (padrão-ouro) e esofagografia baritada

EQN: Múltiplas contrações com picos amplitude > 180 ou P > 400mmHg

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
7
Q

tratamento do EED e quebra nozes

A

🟡 1- controle dos sintomas de dRGE com IBP
(se boa resposta, manter por 3meses, depois reiniciar se sintomas voltarem) Se naõ melhorar acrescentar anti-H1 a noite. Isso se dá porque alguma dismotilidade pode coexistir com DRGE ou pode ser precipitada pelo refluxo. Alem de que tratamento abaixo para relxar musculatura pode promover algum refluxo

🟡 2- Medicamentos sintomáticos
▪️BCC não dihidro (ditialzem 60-90mg 4x/dia com redução gradual até 1x/dia conforme melhora da dor)
▪️ ADT (imipramina 25-50mg 1x a noite)
▪️Óleo de hortelã-pimenta 2 balas SL antes das refeições pode ser usado para os que nao tem DRGE pois promove relaxamento da musculatura lisa

🟡 se disfagia, dor incapacitante……
▪️ cirurgia (esofogamiotomia longitudinal) por falha clinica ou por dor incapacitante ou se divertículo pulsão

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
8
Q

diagnostico diferencial de acalasia que por isso se faz EDA

A

1- estenose peptica

2- carcinoma estenosante distal (pseudoacalásia)

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
9
Q

divertículo de zenker clinica e manejo

A

Divertículos de pulsão/falso por hipertonia do EES com fragilidade na area do triangulo de killiam (entre fibras do tireofaringeo e cricofaringeo) GERALMENTE A ESQUERDA

idoso
◾️1-Tosse
◾️2-Regurgitação de alimento não digerido
◾️3-Halitose 
◾️4-Disfagia transferência
◾️5- Infecções respiratórias repetidas

Tratamento
◾️ < 2cm: miotomia
◾️≥ 2cm : miotomia + diverticulectomia
🔻 * > 3cm septotomia por EDA

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
10
Q

clinica de ingestão caustica e conduta

A

● Odinofagia, dor retroesternal e epigástrica
● Disfagia e CA esôfago como complicação tardia
● Sangramento pode acontecer na apresentação ou semanas após
● Rx com sinais perfuração com pneumomediastino, enfisema SC e ar abaixo do diafragma

CONDUTA:
● Tc tórax
● EDA
● ATB se perfuração
● Analgesia
● Hidratação
● screening CA esôfago a cada 2 anos apos 10 anos da ingestão
How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
11
Q

características do CA esôfago

A
🛑 tipo histológico CA esôfago distal : Adenocarcinoma
- DRGE
- acalasia
-álcool
tabagismo

🛑 tipo histológico de CA esôfago médio: carcinoma escamoso
- acalasia
- estenose caustica
- plummer vinson
- tilose (hiperceratose palmo-plantar)

⭕️ exames para estadiamento CA esôfago
1- US endoscópico para T e N
2-TC torax e abdome para M

●metástases:
pulmão
fígado

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
12
Q

clinica de CA esôfago

A
🚨-disfagia progressiva 
🚨-perda peso ( 10% em 6 meses )
     - tosse/rouquidão
 🚨- odinofagia/ dor irradia para tórax ou dorso
     - pneumonia aspiração
🚨- anemia 

clinica identifica impossibilidade de cirurgia curativa

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
13
Q

como abordar queixa de disfagia

A

SINAL de ALARME sempre que merece investigação de uma causa ESTRUTURAL ou MOTILIDADE. Paciente vai se queixar de dificuldade para engolir (odinofagia é dor para engolir) ou que o alimento fica impedido de se mover pelo esôfago. Deve ser diferenciada da sensação de GLOBUS

● 1º Distinguir se é orofaríngeo ou esofágico
● 2º Se é sólidos ou misto (se for de inicio recente fala mais pra uma desordem motilidade). Se incluir também líquidos fala mais a favor de motilidade
● 3º progressão:
— se progressivo fala mais a favor de algum fator obstrutivo como acalasia ou tumor, do contrario distúrbio motor
— se súbito/ repentino: esofagite ou estenose
● 4º sintomas associados
- queimação + disfagia: complicação DRGE como estenose/ câncer/esofagite
🚨 perda de peso, anemia, hematemese: CA
- radioterapia: esofagite/ estenose

Avaliar
- Manometria
- EDA (afastar CA)
- Esofagrama baritado

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
14
Q

definição de disfagia funcional

A

TODOS sintomas abaixo pelo menos 1x/semana por pelo menos 3 meses há 6meses

⭕️ Sensação de dificuldade de passagem de sólidos e líquidos intermitente após refeições
⭕️ Ausência de distúrbios motores pela manometria
⭕️ Ausência de anormalidades estruturais pela EDA: esofagite eosinofilica e ausência de sintomas de DRGE ou mesmo esofagite erosiva

tratamento
● evitar gatilhos
● BCC ou ADT a noite

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
15
Q

quando suspeitar e iniciar investigação de distúrbio motor esofagiano

A

● Dor torácica
descartada: SAC e DAC, TEP, DAA, ruptura esofageana e Pneumotórax
● Disfagia para sólidos e líquidos
- pode ocorrer em associação com Dor torácica ou com sintomas de pirose (queimação retroesternal) e regurgitação
● Pode coexistir com DRGE ou ser induzida pelo refluxo
● Exame abdominal e tórax sem alterações

INVESTIGAÇÃO INICIAL
● Manometria com teste provocativo
p/ garantir disturbio de motilidade e descartar acalasia (peristalse anormal + deficit relaxamento EEI) mostrando contrações simultâneas, vigorosas e intensas > 120mmHg
● EDA
normal, apenas para afastar CA e se sinais de alarme
- se normal, tratar IBP dose dobrada 40mg 2x/dia
8 semanas pois DRGE ( e se melhora manter por 3m) pode causar sintomas esofageano pela irritação caustica e depois reduzir dose. Se não melhorar, pensar em :
- Distúrbio motilidade
- Dor esofageana funcional (ADT)
- Refluxo não acido
● Esofagografia contrastada

How well did you know this?
1
Not at all
2
3
4
5
Perfectly
16
Q

diferença de azia para pirose

A

ambas referem a sensação de queimação e podem acontecer por incompetência do EEI, porem quando retroesternal se denomina pirose, do contrario na região epigástrico se refere como azia

17
Q

classificação de Mascarenhas para Megaesôfago da acalasia

A

☑️ I - normal < 4cm : clinico
☑️ II - mega 4-7cm: dilatação endoscopica
☑️ III - mega 7-10cm: cardiomiotomia+ fundoplicatura
☑️ IV - mega > 10cm: esofagectomia

  • cardimiotomia Heller + valvula anti-refluxo é o método com resultados mais duradouros
  • dilatação endoscopica precisa ser refeita 6/6m
18
Q

Disfagia aguda, como abordar

A

inicio agudo de incapacidade de engolir mesmo secreções por impactação de corpo estranho especialmente alimentos

Cd:
- Glucagon IV (relaxar EEI)
- EDA (se não resolver ou muito sintomático)

19
Q

se Odinofagia

A

🚨 SEMPRE descartar cancer esofago com EDA

outras causas
- Esofagite infecciosa por herpes, candida, CMV
- Esofagite por medicações

20
Q

sinais de alarme que revelam necessidade de EDA diante de queixas dispépticas

A
🚨●- Anemia
🚨●- Odinofagia
🚨●- Perda de peso
🚨●- Idade > 45 anos
🚨●- Disfagia
🚨●- Ictericia 
🚨●- Histórico familiar de neoplasia TGI
21
Q

hernia de hiato definição e clinica

A

deslocamento de conteúdo estomago/abdominal para cima da cavidade abdominal pelo hiato diafragmatico cujo diagnostico é endoscópico

  • assintomatico
    ou
  • sintomas de refluxo que nao melhorar MAS NAO É A CAUSA, APENAS PIORA OS SITNOMAS DRGE
  • sintomas de pirose, regurgitação, disfagia

●HERNIA DE HIATO POR DESLIZAMENTO
● HERNIA PARAESOFAGEANA
● HERNIA MISTA

22
Q

conduta para hernia de hiato

A

● Hernia por deslizamento
- se existe sintomas de DRGE, tratar clinicamente o DRGE, pois essa hernia nao causa refluxo, apenas piora o ja existente

● Hernia Paraesofagiana (tipo 2) e mista (tipo 3)
- cirurgia

23
Q

clinica e suspeita de ruptura esofageana

A

pode ocorrer perfuração esofágica por
● ingestão de cáusticos
● trauma penetrante
● apos vomitos incoercíveis( sd boerhave); tosse prolongada ou pos conuvlsao

Clinica
● Dor toracica/pescoco subita ou em epigastrio que pode irradiar para Ombro quando perfuração mais intraabdominal e que piora com posição supino
● enfisema subcutaneo alem de dor e crepitações a palpação do ECM
● odinofagia, disfagia aguda e disfonia
● sinais de sepse
(dispneia, taquicardia, taquipneia, hipotensão)
●derrame pleural, pneumoperitônio no RX

Exame de imagem
RX
   ● Pneumoperitônio 
   ● Derrame pleural 
   ● alargamento mediastinal
Laboratorio
   ● Leucocitose
Conduta
● dieta zero por pelo menos 7d
●  nutrição parenteral
●  ATB EV amplo espectro 7-14d
●  IBP EV profilatico
●  EDA + TC para avaliação cirurgica toractomia para os graves e especialmente nos que falham com terapia clinica
24
Q

Globus faringeo

A

GLOBUS ( sensação indolor de alimento ou caroço retido na área cervical que pode ser
- ansiedade
- DRGE
- causa anatomica (cancer ? sinais de alarme ?)
- distúrbio de motilidade esofageano
- Doencas tireoidianas

25
Q

esofagite eosinofilica, quando suspeitar e quais sintomas

A

▪️ principal sintoma é disfagia e impactação de alimentos
🚨 outros : sintomas de refluxo refratários, incluindo Dor toracica que nao alivia com IBP, dor abdominal superior
🚨 em criancas pode ser: disfagia para sólidos, alimentacao preferencial com líquidos sempre apos sólidos como carnes, preferir alimentos pastosos , dor abdominal

Diagnostico:
🔵 Clinica de DRGE refrataria + EDA com aparência sugestiva (esofago proximal parecendo traqueia ) + eosinofilos em biopsia de esofago ≥ 15 p/c + exclusão d outras causas

26
Q

nutrição enteral preferir em pacientes…

A

com disturbios NM ou neurológicos com sintomas de disfagia importantes com risco de broncoaspiracao e de desnutrição