soluço Flashcards Preview

Gastro > soluço > Flashcards

Flashcards in soluço Deck (5)
Loading flashcards...
1
Q

quias causas soluços confomr duração

A

⊙ Os ataques de soluço (<48 horas de duração) geralmente não são causados por doenças graves; a maioria das pessoas ocasionalmente experimenta soluços breves que se resolvem sozinhos em alguns minutos.

⊙ soluços com duração> 48 horas ocorrem raramente e causados por doenças graves. A maioria das etiologias dos soluços prolongados são distúrbios estruturais, infecciosos ou inflamatórios que afetam o sistema nervoso central ou nervos vago ou frênico

2
Q

quais causas soluços

A

1- irritação nervo frenico por : massa mediastinal, aneurisma aortica toracica ou pos operatório toracica recente, pneumonia de base pulmonar, colecistite que evolui com abscesso subfrenico , IAM de parede inferior
2- distensão gastrica por bebidas, aerofagia, endoscopia, refluxo, dispepsia, câncer gastrico
- medicação: bzd, dexametasona, excesso alcool
4- metabolico: uremia, hiponatremia, hipocalemia
5- neurologico: infarto meular, aneurisma, encefalite e meningite, tumores, EM

3
Q

quais manobras para tratamnto inicial soluços

A

Manobras físicas - Essas manobras são projetadas para interromper a função respiratória normal, estimular / irritar a nasofaringe ou a úvula, aumentar a estimulação vagal ou aliviar a irritação do diafragma. Os exemplos incluem:

  • prender a respiração
  • realizar a manobra de Valsalva (para aumentar a hipercapnia),
  • beber água fria,
  • puxar a língua, gargarejar com água
  • engolir uma colher de chá de açúcar seco (para irritar a nasofaringe),
  • pressionar os olhos (para estimulação vagal)
  • puxando os joelhos para o peito ou inclinando-se para a frente para comprimir o peito (para aliviar a pressão no diafragma).
4
Q

avaliação soluços com > 48h

A

O exame físico deve incluir a visualização dos canais auditivos externos em busca de irritante (por exemplo, infecção ou corpo estranho),
⊙ exame de cabeça e pescoço para tireomegalia, linfadenopatia
⊙ evidência de irritação faríngea sugestiva de doença do refluxo gastroesofágico (DRGE),
⊙ exame neurológico, incluindo avaliação do nervo craniano
⊙ ausculta do tórax
⊙ palpação do abdômen para uma massa. ou dose abdominais que evoluem com abscesso subfrenico

⊙ eletrólitos, uréia, creatinina, cálcio, testes da função hepática e, se houver sintomas abdominais, amilase e lipas

Avaliação subsequente - Se uma etiologia não for determinada durante esta avaliação, é necessário iniciar a farmacoterapia empírica

5
Q

Os medicamentos iniciais para soluços que podem ser direcionados a uma etiologia provável ou ​​empiricamente.

A

⊙ 1-baclofeno* 5-10mg 3x dia, até máximo 45mg/dia
⊙ 2-gabapentina* 100-400mg 3x dia .
⊙ 3-metoclopramida 10mg 8/8h 5 dias
⊙ 4-IBP se a DRGE for reconhecida. Mesmo na ausência de clássicos refluxo sintomas, tto empírico anti-refluxo deve ser considerado dada segurança perfil.
⊙ 5- Haldol 1mg 8/8h por 5 dias
⊙ 6- Amplicitil 25mg VO 8/8h 7dias

  • podem ser considerados terapia de primeira linha para soluços intratáveis seguidos por metoclopramida e clorpromazina. O baclofeno foi associado a maior redução em pctes com AVC soluço qdo por 5d. Gabapentina é bem-tolerado e sido usado para pacientes que experimentam soluços na recuperação de avc
  • Para soluços refratários, a gabapentina tem também sido utilizado em combinação com IBP, baclofeno ou metoclopramida