Sarcoidose Flashcards Preview

Pneumologia > Sarcoidose > Flashcards

Flashcards in Sarcoidose Deck (16)
Loading flashcards...
1

Epidemiologia

2 picos: 20 a 40 anos e após os 50 anos, 2 vezes mais comum em mulheres, pico mais precoce nos homens, negros tem formas mais graves, predomina em não tabagistas

2

Diagnóstico

Quadro clínico radiológico e histopatológico (granuloma não caseoso) compatíveis e ausência de outras causas conhecidas de doença granulomatosa
*Formas agudas dispensam biópsia

3

Definição

Doença granulomatosa não caseosa multissistêmica de etiologia desconhecida (diferencial com tuberculose)

4

Indicações corticoide oral

Hipercalcemia

5

Acometimentos

Uveíte anterior, linfonodomegalia mediastinal, cistos e nódulos no osso, acometimento cutâneo, fígado, rins

6

Principais órgãos

Pulmão/linfonodos mediastinais
Pele e articulações
Olhos

7

Formas agudas

Sd Löfgren - Linfadenopatia hilar, Febre, Eritema Nodoso, artralgia
Sd Heerfordt-Waldenström - (head) - paralisia facial, uveíte anterior, parotidite e febre

8

Quadro clínico (diag diferencial)

Febre, mal estar, perda de peso (constitucionais), sintomas em órgãos acometidos (tosse seca, dor torácica, dispneia, outros sistemas) - diferencial com tuberculose
*silicose e beriliose: outros diferenciaus

9

Estadiamento pulmonar e chance de remissão em cada

Classificação de Scadding:
I - saco de batata (adenopatia hilar simétrica) - 60 a 80% remissão sem tratamento
II - saco de batata e micronódulos perilinfáticos - 40 a 70% de remissão espontânea
III - sem adenopatia, apenas micronódulos perilinfáticos no parênquima - 10 a 20% remissão
IV - fibrose, 5% chance remissão, fibrose em campos superiores, tração brônquios fontes para cima, maior morbimortalidade e associação com HAP

10

Tratamento indicação e droga

Sintomáticos, órgãos nobres (pulmão, SNC, coração, extensa de pele), formas graves, hipercalciúria e hipercalcemia

Prednisona VO (não precisa pulsar). Geralmente um ano de tratamento permite descontinuar uso. MTX, imunossupressores sintéticos e biológicos podem ser usados para poupar GC ou em graves / refratários

11

Marcadores de melhor prognóstico

Baixa idade, duração menor que 2 anos da doença, assintomáticos, eritema nodoso, paralisia isolada do VII par, edema periarticular, estadio I doença pulmonar

12

Marcadores mau prognóstico

Fibrose pulmonar (estágio IV), envolvimento do SNC, lúpus pernio, miocardiopatia com insuficiência cardíaca, nefrolitíase e cistos ósseos

13

Alterações em exames de imagem

Infiltrados em lobos superiores, que nem pneumonite por hipersensibilidade, e linfonodomegalia hilar bilateral simétrica (linfonodos egg shell na TC)

Cintilografia com galio - sinal do panda (gls lacrimais e parótidas) e do lambda (gânglios mediastinais)

14

Alterações cutâneas

Lúpus pernio (placas endurecidas em nariz região malar e pálpebras)
Eritema nodoso (nódulos dolorosos eritematosos pré-tibiais)
Máculas, placas, alopecia, alterações de pigmentação

15

Outras alterações não cutâneas ou pulmonares

Ocular - pp uveite anterior
Sarcoidose renal - aumento vit D calciuria e hipercalcemia
Paralisia de nervos cranianos (pp Bell)
Artralgia pp tornozelos, dactilite
Cistos e nódulos nos ossos, alterações em músculos
Hepática, cardíaca, esplênica, MO, glândulas salivares

16

Achados laboratoriais

Linfopenia, hiperglobulinemia, hipercalciúria mais frequente que hipercalcemia

Aumento da ECA 3 vezes acima VR (mais sensível na doença aguda)