Acalásia Flashcards Preview

Gastroenterologia MedCurso 2019 - Victória Melo > Acalásia > Flashcards

Flashcards in Acalásia Deck (17):
1

O que é Acalásia? Quais são suas características fisiopatológicas?

Calásia: relaxamento
Acalásia: falta de relaxamento

É um distúrbio motor primário do esôfago caracterizado por:

1. Falta de relaxamento do EEI durante a deglutição
2. Graus variados de hipertonia do EEI (p> 35 mmHg)
3. Peristalse anormal (podem ser fracas ou vigorosas)

2

Qual o principal distúrbio motor primário do esôfago?

Acalásia

3

Quais a etiologia mais comum de Acalásia (no mundo)?

Acalásia primária/idiopática

4

Qual a etiologia mais comum de acalásia no Brasil, que é também a principal causa de Acalásia segundária?

Esofagopatia chagásica

5

Qual o processo fisiopatológico básico da Acalásia?

Destruição do plexo mioentérico de Auerbach (que controla a peristalse esofagiana)

Na esofagopatia chagásica, também há destruição do plexo de Meissner/submucoso (que controla a secreção das glândulas mucosas do esôfago)

6

Qual o quadro clínico dos pacientes com Acalásia?

*DISFAGIA progressiva (para líquidos e sólidos)
*PERDA DE PESO ao longo de meses/anos
*REGURGITAÇÃO de alimentos NÃO DIGERIDOS

Manifestações de broncoaspiração podem estar presentes: pneumonia, abscesso

7

Qual a complicação mais temida no pacientes com Acalásia?

Carcinoma escamoso de esôfago (a irritação da mucosa causada pelo alimento estagnado induz metaplasia)

oBS: recentemente tem sido posto como fator de risco para adenocarcinoma também

8

A presença de perda de peso acelerada nos pacientes com Acalásia traz como diagnóstico diferencial principal:

Câncer de esôfago

9

Qual o PRIMEIRO EXAME a ser solicitado diante de um paciente com suspeita de Acalásia? Qual o motivo? Quais os achados esperados?

Endoscopia digestiva alta (EDA)

Para afastar a possibilidade de condição maligna (pois a acalásia é fator de risco para CA escamoso de esôfago)

ACHADOS: dilatação do corpo esofágico, pregas convergentes

10

Qual o exame é utilizado para ESTADIAR a Acalásia/classificar a doença? Qual o sinal típico encontrado?

Esofagografia baritada

SINAL: sinal do bico de pássaro/chama de vela/ponta de lápis (estreitamento na topografia do EEI)

11

Qual o exame PADRÃO-OURO para diagnóstico da Acalásia? Quais achados esperados?

EXAME: Esogagomanometria

ACHADOS:
- Falta de relaxamento do EEI durante a deglutição (mais frequente)
- Hipertonia do EEI (p> 35 mmHg)
- Peristalse anormal (excessiva ou reduzida)

12

Quais os graus de classificação da Acalásia segundo Mascarenhas e Rezende?

Megaesôfago grau 1: forma anectásica (calibre até 4 cm)
Megaesôfago grau 2: megaesôfago leve (4-7 cm)
Megaesôfago grau 3: megaesôfago clássico (7-10 cm)
Megaesôfago grau 4: dolicomegaesôfago (>10 cm)

OBS: a dilatação do corpo esofagiano ocorre para tentar "compensar" a obstrução à jusante do EEI

13

Qual a principal causa de acalásia no BR e como é diagnosticada?

CAUSA: esofagopatia chagásica

DIAGNÓSTICO: como a esofagopatia ocorre na fase crônica da doença = sorologia (ELISA ou Machado-Guerreiro)

14

Qual o tratamento clínico da Acalásia? Em quais casos é aplicado?

INDICAÇÃO: grau 1 de Mascarenhas e Rezende (sintomas leves a moderados)

ALTERNATIVAS:
*Nitrato
*Bloqueador do canal de cálcio
*Toxina botulínica (reaplicar a cada 6 meses)

OBS: o tratamento visa melhorar a tonicidade do EEI, não há melhora do peristaltismo do corpo esofagiano!

15

Quais as abordagens intervencionistas na Acalásia? Para quais pacientes estão indicadas?

INTERVENCIONISTA: dilatação pneumática por balão OU cardiomiotomia a Heller OU esofagectomia

DILATAÇÃO PNEUMÁTICA: grau 2

CARDIOMIOTOMIA A HELLER: grau 2 (refratária a outras medidas) e grau 3

ESOFAGECTOMIA: grau 4

16

Qual outro procedimento deve ser realizado junto com a cardiomiotomia a Heller? Qual seu objetivo

Fundoplicatura parcial

Objetivo: evitar DRGE

17

Por que a presença de Acalásia permite descartar a Doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE)?

Porque a DRGE ocorre por hipotonia do EEI
A fisiopatologia da acalásia é o contrário = graus de hipertonia variáveis do EEI e ausência de seu relaxamento durante a deglutição