Autoimunidade Flashcards Preview

Imunologia > Autoimunidade > Flashcards

Flashcards in Autoimunidade Deck (45)
Loading flashcards...
1

Definição de autoimunidade

Resposta imune (anticorpo e/ou células T autoreativas) contra antigénios do próprio.
Nem sempre é nefasto.

2

Tipos de autoimunidade

- Fisiológica: parte do processo normal de regulação imunológica (autoanticorpos naturais, anticorpos antiidiotipos, restrição MHC e seleção tímica) => SELF VS. NON SELF
- Patológica: doença causada por respostas imunes montadas contra antigénio do próprio, com lesão permanente de órgão ou tecido

3

Células B1

Parte da autoimunidade fisiológica:
- Geram anticorpos naturais (IgM), sem grande especificidade, que são importantes auxiliares na regulação de vários processos imunológicos

4

Seleção tímica

Parte da autoimunidade fisiológica:
- Seleção positiva = PROLIFERAÇÃO
- Seleção negativa = REMOVIDAS

5

Tolerância imunológica

Incapacidade de o indíviduo montar resposta imune contra determinado antigénio

6

Tolerância ao próprio (self)

Incapacidade de o indíviduo montar resposta imune contra antigénios do self. Pode ser:
- Central (timo)
- Periférica (órgãos linfoides secundários)

7

A partir da autoimunidade, como chegamos às doenças autoimunes?

Perda de tolerância ao self => Desenvolvimento de resposta imune contra o self => Doença autoimune

8

Doenças autoimunes

Perda de tolerância ao self leva à produção de anticorpos ou cél. T que reconhecem os antigénios do próprio;
A resposta imunitária contra Ags do próprio causa lesão em órgãos ou tecidos;
Não há compartimentalização, e nalgumas doenças estão envolvidos vários mecanismos;

9

Mecanismos autoimunes

TRÊS:
1.- Citotóxicas (tipo II) = mediadas por anticorpos;
2.- De imunocomplexos (tipo III) = mediadas por imunocomplexos;
3.- Mediadas por células (tipo IV)

10

Classificação de doenças autoimunes de acordo com perfil de envolvimento

º Sistémicas;
º Específicas de órgão

11

Doenças autoimunes específicas de órgão

Tiroidite de Hashimoto;
Anemia hemolítica autoimune;
Encefalomielite autoimune (MS);
Síndrome de Goodpasture;
Trombocitopenia autoimune;
DM tipo I;
Miastenia gravis;
Doença de Graves

12

Doenças autoimunes sistémicas

LES;
Artrite reumatoide (+ exclusiva das articulações, mas pode ser sistémica);
Esclerose sistémica (ESP);
Síndrome de Sjogren;
Síndrome de Ritter;
Miopatias inflamatórias;
Vasculites associadas a ANCA;
Poliartrite nodosa

13

Mecanismos que levam a doenças autoimunes

Predisposição genética:
- Há haplotipos de HLA que predispõem para autoimunidade;
Fatores exógenos:
- Triggers virais:
1.- Reatividade cruzada;
2.- Lesão celular revela Ags self

14

AIRE

Gene responsável pela expressão universal de antigénios self no timo, que permite seleção tímica

15

Na ausência ou disfunção tímica, faz-se transplante de timo?

NÃO
Faz-se transplante de MO, apesar da mortalidade elevada (20-25%)

16

Células Treg

Treg naturais;
Treg induzidas - adquirem capacidade regulatória por ação de outras células: ganham capacidade de expressão de FOXP3

17

Mecanismos potencialmente envolvidos na perda de tolerância

Falha na deleção de cél. T autoreativas;
Excesso de ação Th, por perda de cél. Treg;
Excesso de função B;
Reatividade cruzada entre Ags exógenos e do self (mimetismo molecular);
Libertação de antigénios sequestrados;
Expressão aberrante de HLA-II;
Defeitos de apoptose;

18

Exemplos de falhas na deleção de cél. T autoreativas

Mutação ou ausência do gene AIRE:
- Não há exposição aos antigénios do self;

19

Exemplos de excesso de ação Th

Defeitos genéticos ou induzidos:
- Mutação no FOXP3 = disfunção Treg;
- Síndrome de Sjogren, LES

20

Excesso de função B

Por vírus, toxinas ou drogas.
- Superantigénios: ativam diretamente as cél. B e amplificam resposta imune;
- Também pode acontecer por incapacidade de feedback negativo => perda das Treg e Breg

21

Exemplos de reatividade cruzada entre Ags do self e exógenos (mimetismo molecular)

Infeções víricas e bacterianas:
- Síndrome de Ritter, febre reumática

22

Exemplos de libertação de antigénios sequestrados

Ags do próprio organismo, que se encontram em sítios imunoprivilegiados = cérebro, olho, testículo, útero
- Oftalmoplegia simpática: traumatismo do olho, com reação autoimune que afeta olho contralateral

23

Exemplos de expressão aberrante de HLA-II

HLAB-27: resposta imunológica exacerbada;
- Doença celíaca: haplotipos DQ2 e DQ8 partilham afinidade com Ag do glúten => reação autoimune

24

Defeitos na apoptose

Células ficam expostas às APC => Autoimunidade

25

Importância do perfil Th17

IL-17 é importante na espondilartrite, artrite psoriática e na artrite reumatoide

26

Células Breg

- Ao contrário das Treg, não têm marcadores específicos de linhagem => provêm de mais que uma linhagem;
- Aparecem quando cél. B são expostas a ambiente proinflamatório;
- Inibem praticamente TODAS as células efetoras do SI;
- Para além disso, ajudam as Treg a manter-se ativas;

27

Existem doenças autoimunes desencadeadas por reações de tipo I?

NÃO
Apenas por reações tipo II, III e IV

28

O que implica o curso crónico de uma doença autoimune?

Recidivas e remissões

29

Reações autoimunes citolíticas/citotóxicas (Tipo II)

As mais frequentes;
Mediadas por anticorpos, com reconhecimento de moléculas na superfície celular (ADCC/CDC);
- Doença de Graves
- Miastenia gravis
- Tiroidite de Hashimoto

30

Doença de Graves

Reação tipo II;
Anticorpos ligam-se a recetores na tiroide e estimulam a produção de hormonas => estimulação inapropriada de libertação da hormona tiroideia;
- Quadro de hipertiroidismo;
- Exoftalmia: Oftalmopatia de Graves, com inflamação da órbita;
Numa fase inicial = HIPERTIROIDISMO;
Com o passar do tempo = HIPOTIROIDISMO;
- Autoanticorpos para recetor TSH