Maturação Linfocitária B Flashcards Preview

Imunologia > Maturação Linfocitária B > Flashcards

Flashcards in Maturação Linfocitária B Deck (38)
Loading flashcards...
1

Célula B madura

Produtora de imunoglobulina
= Plasmócito
Quando sai da medula, já é madura => na periferia, quando contacta com Ag, fica mais madura

2

Pré BCR

Tem cadeias pesadas, mas ainda não tem cadeias leves, só pseudoleves
- Faltam cadeias kappa e lambda (são as cadeias leves)

3

Fases da maturação das células B

Fase independente de Ag:
- Depende de fatores de transcrição;
- Formação de BCRs;
- Na medula óssea;
Fase dependente de Ag:
- Origina plasmócitos e células de memória;
- Acontece na periferia => baço e gânglios;
- Não tem BCR, porque não há produção de Igs no plasmócito (essa é função do BCR)

4

Há seleção negativa e seleção positiva na maturação B?

SÓ há seleção NEGATIVA
- Feita na medula óssea;

5

Quando surge o BCR formado normalmente?

A partir das células B imaturas

6

IL-7 na maturação B

Ajuda no processo maturativo na medula óssea

7

Plasmócitos e a sua localização

Existem nos órgãos linfoides secundários MAS são residentes na medula óssea

8

CXCL12 na maturação B

Quimiocina de adesão (homing)

9

Qual a função das células do estroma de medula óssea na maturação B?

Adesão;
Produção de citocinas

10

Linhagem da maturação B

I. Célula progenitora multipotente = tem FLT3, que funciona como tirosina cinase, que mantém células imaturas na medula e ativa proliferação e diferenciação das células progenitoras;
II. Progenitor linfoide comum = deixa de ter CAMs, já não está ancorada;
III. Early pro B cell = tem Kit SCF, que é um marcador de células indiferenciadas, promove ligação da IL17 ao seu recetor;
IV. Late pro B cell;
V. Pre B cell;
VI. Célula B imatura;

11

O que leva ao comprometimento de uma célula com a linhagem B?

Fator de transcrição Pax-5;
Recombinases RAG;

12

Marcador de todas as células B

CD20 = marcador mais maturo

13

Quando aparecem as cadeias pesadas do BCR?

Na late pro B cell

14

Quando aparece o pré BCR?

Na small pre B cell

15

Qual o 1º estadio com BCR maduro?

Célula B imatura
- Expressa IgM => está no citoplasma e migra para a superfície da célula

16

Igs expressas pela célula B madura

IgM
IgD => houve class switch

17

Recombinação de segmentos génicos na maturação de células B

Permite maior variabilidade na porção mais distal dos recetores
- Processo exclusivo dos linfócitos;
- Recombinação com elevada taxa de insucesso: na maioria das vezes, não é funcional em termos polipeptídicos

18

Cadeias pseudoleves do pré BCR

2 partes proteicas:
- V pre-B;
- lambda 5;

19

Locus das cadeias do BCR

Cadeia leve: cromossoma 2 (kappa) e 22 (lambda);
Cadeia pesada: cromossoma 14;

20

Exclusão alélica

Paragem no rearranjo da cadeia pesada do BCR;
Início do rearranjo da cadeia leve do BCR;
- Requer mecanismos de sinalização do pré BCR => BLNK e Btk;
=> TODOS os linfócitos expressam uma só cadeia pesada em BCR, e o mesmo acontece com a cadeia leve, mas com menos rearranjos;

21

Exclusão alélica vs. exclusão alotípica

- Exclusão alélica acontece nas cadeias leves e pesadas;
- Exclusão alotípica só acontece nas cadeias leves:
=> Ou tenho kappa ou lambda

22

Processos de exclusão: hereditariedade?

Não têm relação com transmissão parental dos cromossomas codificantes, mas sim com processo maturativo na MO

23

Aumento de diversidade na maturação B

1.- LIgação dos segmentos genéticos das Igs é uma ligação imprecisa => EXCLUSIVO da maturação B;
- Isto aumenta a diversidade: há vários nucleótidos que se perdem e ganham nos locais de ligação;
2.- Enzima TDT: capaz de adicionar nucleótidos ao terminal N da cadeia DNA, e deixa de ser expressa quando a Ig já está formada => célula B já possui pré BCR

24

CD19

Expressa-se durante praticamente todo o desenvolvimento das células B
- Surge na early pro B cell

25

O que acontece na célula B imatura?

=> NÃO HÁ PROLIFERAÇÃO, MAS DIFERENCIAÇÃO
I. A cadeia miu pesada leva à inibição do rearranjo da segunda cadeia pesada, e induz o rearranjo da cadeia kappa;
II. A cadeia miu e a cadeia kappa inibem o rearranjo da segunda cadeia kappa e de cadeias lambda;
III. Cadeia miu e cadeia kappa inibem rearranjo lambda;
IV. Cadeia miu e cadeia lambda inibem rearranjo de segunda cadeia lambda;

26

Qual o recetor da célula B imatura?

IgM

27

Passagem de célula B imatura para matura

Há recombinação por splicing alternativo:
- VDJ igual (= especificidade);
- Troca IgM por IgD (Cmiu por Cdelta);
=> NUNCA tem só IgD = ou tem IgM ou IgM + IgD
(única exceção à exclusão alélica)

28

Como é feita a educação do BCR?

Com base na afinidade para antigénios:
- Por seleção negativa (células self multivalentes);
- Células B anérgicas (moléculas self solúveis que migram para a periferia - processo irreversível);
- Célula B matura clonalmente ignorante (migram para periferia, pode haver reversão funcional, se reconhecer Ags do self);
- Célula B matura funcional (migram para periferia e funcionam);

29

Light chain editing

Faz parte do processo de deleção clonal / seleção negativa;
Permite sobrevivência, na medida em que diminui a afinidade para antigénios self;
Altera a especificidade de kappa para lambda, ou vice versa;

30

Splicing diferencial ou alternativo

Processo pelo qual exões do RNA produzidos pela transcrição de um gene se juntam de múltiplas maneiras