Gastroenterologia - Síndrome Disabsortiva Flashcards Preview

Medicina Interna > Gastroenterologia - Síndrome Disabsortiva > Flashcards

Flashcards in Gastroenterologia - Síndrome Disabsortiva Deck (58):
0

As causas de má absorção podem ser classificadas em:

Pré-entéricas, entéricas e pós-entéricas.

1

Principais Condições que prejudicam a digestão intraluminal:

Mistura prejudicada, Deficiência da lipólise, Deficiência na formação de Micelas e Doença ou Ressecção do Íleo

2

Causas pré-entéricas ocorrem por:

Impedimento da hidrólise luminar ou solubilização.

3

Causas entéricas ocorrem por:

Impedimento da função da mucosa (hidrólise na mucosa, captação e empacotamento)

4

Causas pós-entéricas ocorrem por:

Impedimento à remoção dos nutrientes da mucosa.

5

A má absorção pode ser secundária a distúrbios como:

Diabetes, Doença de Addison, Amiloidose, Esclerodermia, Tuberculose e Neoplasias do intestino delgado.

6

Doenças sistêmicas que podem cursar com síndrome disabsortiva:

AIDS, endocrinopatias, colagenoses e amiloidose.

7

A má absorção pode ser secundária a operações abdominais:

Gastrectomia, alça cega, fístulas, anastomoses e colostomia.

8

Má absorção por falta de preparo à absorção inclui:

Falhas na secreção gástrica, deficiência de enzimas pancreáticas e deficiência biliar.

9

A má absorção pode ser causada por enteropatias:

Altas ou baixas.

10

Exames Laboratoriais:

Hemograma; Eletrólitos; Glicemia; Função renal; Cálcio, magnésio, fosfato; ferro, ferritina; albumina; colesterol total; Testes relacionados com gorduras, carboidratos e proteínas; e testes respiratórios.

11

Um teste qualitativo ou quantitativo para gordura fecal será positivo em indivíduos com destruição do pâncreas superior a:

90%.

12

Principais condições que prejudicam a absorção pela mucosa:

Deficiência de Lactase, Doença Celíaca e Espru Tropical.

13

Quadro clínico:

Diarreia, esteatorreia, cólica abdominal e perda de peso

14

Principais Condições infecciosas que resultam em má absorção:

Giardíase, AIDS e Doença de Whipple.

15

Condições que comprometem o transporte de nutrientes até a circulação sistêmica:

Doenças que resultam em comprometimento da Drenagem linfática

16

É a causa mais comum de má absorção seletiva de carboidratos:

Deficiência adquirida de lactase.

17

A prevalência de deficiência em lactase é mais elevada em:

Asiáticos, negros e nativos americanos.

18

Quadro clínico (Deficiência de Lactase):

Distensão abdominal, flatulência e diarreia após ingestão de laticínios

19

Diagnóstico (Deficiência de lactase):

Análise respiratório de exalação de hidrogênio após administração oral de lactose; Teste genético.

20

Quadro Clínico (Doença Celíaca):

Anemia, Osteoporose, dermatite herpetiforme, distúrbios neurológicos e psiquiátricos, infertilidade, abortamento espontaneo, baixa estatura, hepatite crônica e cardiomiopatia. Diarreia aquosa e perda de peso.

21

Diagnóstico (Doença Celíaca):

Biópsia de delgado, Endoscopia, rastreamento de anticorpos antigliadina, antiendomísio e antitransglutaminase tecidual.

22

Tratamento (Doença Celíaca):

Dieta sem glúten e sem lactose (se deficiência secundaria de lactase).

23

Para confirmar esteatorreia:

Teste Quantitativo de Gordura Fecal

24

Teste Quantitativo de Gordura Fecal:

Dosagem da quantidade de gordura presente nas fezes acumuladas em 72h.

25

Teste Qualitativo de Gordura Fecal (Sudan III):

Exame microscópico de fezes coradas para avaliar a presença ou não de gorduras.

26

O teste da excreção urinária de D-Xilose distingue:

Má absorção por doença de intestino delgado DA por insuficiência pancreática exócrina.

27

Teste da Secretina:

Um cateter é posicionado por fluoroscopia no duodeno, injeção de secretina e colecistocinina; coleta secreções pancreáticas. Caro e de difícil realização.

28

Teste de Schilling:

Determina se há má absorção de B12 e a origem da má absorção.

29

Teste de exalação:

Teste de exalação de Xilose Marcada e do Hidrogênio

30

Teste de Exalação da Xilose marcada indica:

supercrescimento bacteriano intestinal.

31

Teste da exalação do Hidrogrênio indica:

Supercrescimento bacteriano (teste da sacarose) ou Intolerância à Lactose (Teste da Lactose).

32

Teste de exalação do Hidrogênio (Teste da Lactose) tem mais sensibilidade e especificidade do que:

O teste de intolerância à lactose (dosasgem da glicemia após administracão de 50g de lactose).

33

Exame padrão-ouro para diagnóstico de supercrescimento bacterino intestinal:

Cultura de Delgado.

34

Enteróclise:

Após administração de sulfato de bário é introduzida uma sonda na porção distal do duodeno

35

Transito de delgado:

Radiografia após ingestão de sulfato de bário.

36

Alterações radiográficas em pacientes com má absorção:

Calcificações pancreáticas, diverticulose, alça cega cirurgica, semioclusão intestinal e lesões de mucosa.

37

Colangiopancreatografia retrógrada endoscópica pode sugerir:

Pancreatite crônica e irregularidades no ducto pancreático principal

38

A maneira mais simples e disponível para se obter a biópsia do delgado é através da:

Endoscopia digestiva alta.

39

Aspecto em pedra calçada da porção distal do duodeno (Endoscopia):

Doença de Crohn.

40

"A atrofia da mucosa intestinal pode ser revelada pela ______________ injetando corante Indigo-carmim no lúmen intestinal, e sua presença é sugestiva de _______________":

Cromoendoscopia; Doença Celíaca.

41

Exame padrão-ouro para diagnóstico da Doença de Crohn:

Ileocolonoscopia com biópsia colônica e do íleo terminal.

42

Exames de Imagem:

Radiografia, Trânsito intestinal (Radiografia c/ contraste), Ultrassonografia, Tomografia e Ressonância Magnética; Cápsula endoscópica; Biópsia peroral.

43

Os exames complementares para pesquisar a etiologia da síndrome disabsortiva devem ser:

Individualizados de acordo com os dados clínicos.

44

História de cirurgia:

Gastrectomia, ressecção intestinal e reconstruções em alça cega.

45

Dor abdominal recorrente sugere:

Pancreatite crônica e Doença de crohn.

46

Alcoolismo prolongado sugere:

Pancreatite crônica.

47

História familiar é importante para:

Doença celíaca e Doença de crohn.

48

História de diarreia com muco ou sangue indica:

Doença de Crohn e Neoplasia.

49

Suspeita de Doença de Crohn, indica-se:

Ileocolonoscopia.

50

Suspeita de Doença Celíaca ou doença de Whipple, indica-se:

Endoscopia digestiva alta.

51

Suspeita de pancreatite crônica, indica-se:

Tomografia computadorizada contrastada de abdome.

52

Principais condições que determinam síndrome de má absorção:

Insuficiência Pancreática Exócrina, Estados pós-gastrectomia, Gastrinoma, Colestase Acentuada, Supercrescimento Bacteriano, Doença ou Ressecção do Íleo Distal, Deficiência de Dissacaridases, Doença Celíaca, Espru Tropical, Giardíase, Estrogiloidíase, Doença de Whipple, Doença de Crohn, Gastroenterite Eosinofílica, Enterite por Radiação, Abetalipoproteinemia, Síndrome do intestino curto, Derivação Jejunoileal, Linfoma e Linfangectasias.

53

Anemia ferropriva, sem evidência de perda sanguínea após exaustiva investigação e refratária à reposição oral com sulfato ferroso:

Doença Celíaca.

54

Definição:

é um quadro resultante de uma doença específica em que há defeitos na Hidrólise de nutrientes ou defeitos na absorção intestinal ou no transporte de nutrientes digeridos

55

Processos fisiológicos envolvidos na digestão e absorção:

Solubilização, Secreção hormonal, Hidrólise e Capacidade absortiva

56

Principais órgãos envolvidos:

Estômago, Intestino delgado, Pâncreas, Fígado e Vias biliares

57

Má absorção:

Absorção deficiente de um ou mais nutrientes, independentemente de haver diarréia ou esteatorréia

Decks in Medicina Interna Class (194):