Potássio Flashcards Preview

Medicina Interna > Potássio > Flashcards

Flashcards in Potássio Deck (68):
0

"A função ______________ e os _______________ dependem de maneira crítica da relação entre a concentração de potássio intracelular e extracelular":

Neuromuscular; potenciais de membrana.

1

Quais as principais funções do potássio?

Envolvido no balanço hídroeletrolítico, equilíbrio osmótico, ácido-base e atividade neuromuscular (relaxamento muscular/ repolarização). É essencial para o funcionamento miocárdico.

2

Quais os fatores que afetam a distribuição transcelular de potássio?

Estado ácido-base, insulina, aldosterona e agentes adrenérgicos.

3

Como o estado ácido-básico interfere na distribuição transcelular de potássio?

Por desvio iônico: A acidose provoca a passgem do potássio do meio intracelular para o extracelular, enquanto a alcalose faz diminuir a concentração sérica do potássio.

4

Como a insulina afeta a distribuição transcelular de potássio?

A insulina promove a entrada de potássio nas células. A deficiência de insulina aumenta o potássio extracelular.

5

Como a a aldosterona interfere na distribuição transcelular de potássio?

A aldosterona aumenta excreção urinária de potássio, sua deficiência leva a retenção.

6

Como os agentes adrenérgicos agem na distribuição transcelular de potássio?

A adrenalina provoca a entrada de potássio nas células.

7

A excreção renal de potássio depende de três processos:

A TFG do potássio, reabsorção e secreção.

8

"Em geral, a TFG do potássio permanece _________":

Constante.

9

A maior parte do potássio excretado não resulta da filtração glomerular, mas:

Do processo de secreção tubular.

10

"Na ________________, a TFG está reduzida, podendo haver acúmulo de potássio":

Insuficiência renal.

11

"De maneira geral, as porções iniciais do nefro ____________ potássio e as mais distais o ____________":

Reabsorvem; secretam.

12

"Cerca de 65% do potássio filtrado são reabsorvidos no ______________ e 25-30% na ______________, principalmente no ____________________":

Tubulo proximal; alça de Henle; ramo ascendente espesso.

13

"Os _____________ têm um papel crucial na regulação da contração vascular e portanto na resistência periférica e pressão arterial":

Canais voltagem-dependentes de potássio.

14

Os íons potássio atravessam as membranas fundamentalmente por dois mecanismos:

Via canais ou carregadores.

15

A força propulsora do movimento de potássio através do canal é a:

Diferença de potencial eletroquímico.

16

Duas forças passivas promovem reabsorção transepitelial de potássio:

O solvent drag effect e a diferença de potencial transepitelial.

17

Como ocorre o solvent drag effect?

O movimento de líquido através de junções intercelulares provoca um arrasto de potássio no mesmo sentido.

18

Como ocorre a reabsorção e secreção de potássio por meio da força eletroquimica?

Uma Diferença de potencial transepitelial com valor positivo no túbulo proximal favorece a reabsorção, valores negativos nos seguimentos distais favorecem a secreção de potássio.

19

A reabsorção de potássio através da membrana luminal se faz contra um gradiente eletroquímico e através de um mecanismo de co-transporte, de tal forma que:

Um sódio, um potássio e dois cloros são translocados simultaneamente. (Transporte ativo secundário).

20

A saída de potássio da célula se faz pela membrana baso-lateral e pode ser por:

Difusão através de canais de potássio ou acoplado a íons cloro via um co-transportador KCl.

21

São responsáveis pela secreção de potássio:

A parte mais distal do túbulo distal e o ducto coletor cortical.

22

Há dois tipos de células no túbulo distal que participam do transporte de potássio:

As células principais (claras) e as células intercaladas (escuras).

23

"As células intercaladas regulam a reabsorção de potássio e a secreção de ___________":

Íons hidrogênio.

24

"A célula principal transporta o potássio através da membrana baso-lateral pela atividade _____________":

Sódio-potássio-ATPase.

25

Quais os fatores que influenciam a secreção de potássio nos túbulos distal e coletor?

Ingesta de potássio, fluxo de líquido tubular distal e concentração intracelular, aporte de sódio aos segmentos distais, aldosterona, ânions não absorvíveis na luz tubular e modificações agudas no estado ácido-básico.

26

"A insulina provoca a entrada de potássio para dentro das células, de modo ________________ de sua ação sobre o metabolismo da glicose":

Independente.

27

"A insulina ativa a sódio-potássio-ATPase, ___________ a concentração intracelular de potássio e ___________ a de sódio":

Aumentando; diminuindo.

28

"A ____________ aguda estimula a liberação de insulina pelo pâncreas":

Hipercalemia.

29

"Os estímulos aos receptores beta-adrenérgicos estimulam o movimento de potássio para _________ das células":

Dentro.

30

"Alguns agentes que possuem atividade estimuladora de receptor beta-adrenérgico podem ser úteis no tratamento de _____________________":

Hipercalemia aguda.

31

"Agentes beta-bloqueadores podem ser úteis em estados ______________":

Hipocalêmicos.

32

Pacientes que tomam beta-bloqueadores podem desencadear hipercalemia, se:

Houver deficiência de insulina, insuficiência renal, exercício, administração de KCl e quando ingere simultaneamente drogas que interferem com a ação da aldosterona (espironolactona).

33

"Um aumento de _________ na concentração de potássio é suficiente para produzir um aumento significativo na secreção de ______________":

0,3 mEq/L; aldosterona.

34

"Com a diminuição de potássio, há um ____________ na excreção de amônio (NH4)":

Aumento.

35

"Um ___________ de potássio diminui a atividade da renina e estimula a secreção de aldosterona":

Excesso.

36

"Uma alcalose sistêmica ___________ a perda urinária de potássio, enquanto uma acidose sistêmica __________ a excreção renal de potássio":

Aumenta; diminui.

37

"Uma redução da concentração plasmática de potássio para menos de ___________, resulta em hipocalemia":

3,5 mEq/L.

38

Quais as principais causas de hipocalemia?

Ingesta reduzida não compensada por redução da excreção (disfunção renal); excreção elevada (perdas renais e gastrintestinais).

39

Quais as principais causas gastrintestinais de hipocalemia?

Aporte dietético insuficiente; diarréias; uterossigmoidostomia (secreção de potássio e bicarbonato para a luz da alça intestinal); vômitos.

40

Quais as principais causas da perda renal de potássio?

Diuréticos (exceto poupadores de potássio); hiperaldosteronismo; pielonefrite e acidose tubular renal; alterações genéticas (síndrome de Bartter e de Gitelman); ânions não reabsorvíveis; hipomagnesemia; Anfotericina B.

41

Quais as principais manifestações clínicas cardiovasculares da hipocalemia?

Arritmias, Batimentos ectópicos, alterações eletrocardiográficas, hipotensão ortostática.

42

Quais as principais manifestações clínicas neuromusculares da hipocalemia?

Apatia, fraqueza, parestesias, tetania, paralisia flácida e rabdomiólise.

43

Quais as principais manifestações clínicas digestivas da hipocalemia?

Náuseas, distensão abdominal e de alças intestinais.

44

Quais as principais manifestações clínicas renais da hipocalemia?

Polidipsia e poliúria.

45

Pode auxiliar a determinar se a causa da hipocalemia é uma perda urinária ou não:

Dosagem do potássio em urina de 24h.

46

Caso o potássio urinário esteja acima de __________, suspeita-se de perda renal.

20 mEq/L.

47

Além da dosagem plasmática de potássio, auxiliam no diagnóstico de hipocalemia:

Dosagem de potássio na urina e gasometria venosa.

48

Como se dá o tratamento da hipocalemia?

Reposição de potássio (drágeas de cloreto de potássio, xarope e ingestão de alimentos com alto teor de potássio).

49

Um aumento da concentração plasmática de potássio acima de 5 mEq/L, resulta em:

Hipercalemia.

50

Quais os principais mecanismos fisiopatologicos da hipercalemia?

Casos nos quais os rins não conseguem excretar o potássio ingerido ou proveniente de uma liberação endógena.

51

"Para cada ____ unidade de pH que cai, o potássio extraceljlar sobe _____":

0,1; 0,6 mEq/L.

52

Cite causas de hipercalemia por redistribuição:

Cirurgias, traumas, uso de beta-bloqueadores, intoxicação digitálica, paralisia periódica familiar hipercalêmica, exercícios extenuantes e administração de succinilcolina.

53

"Na insuficiência renal aguda, há uma redução importante na ____________ do potássio, pois se estabelece um quadro de oligúria ou anúria":

Excreção.

54

Os principais estímulos fisiológicos para a liberação de aldosterona:

Angiotensina II e elevação do potássio plasmático.

55

A hipercalemia por diminuição do efeito da aldosterona se deve geralmente a:

Doença renal (-renina), disfunção adrenal (-aldosterona) ou resistência tubular à ação da aldosterona.

56

Cite causas de hipercalemia por retenção de potássio:

Oligúria, anúria, carga de potássio exógena e endógena, doença de Addison, Hipoaldosteronismo hiporreninêmico, inibição da prostaglandina sintetase, tubulopatias primárias (lúpus eritematoso, amilóide, anemia falciforme), doenças hereditárias e drogas (espironolactona, amiloride, triamterene, trimetoprim e antiinflamatórios não-eteróides).

57

Quais as principais manifestações clínicas cardiovasculares da hipercalemia?

Bradicardia, hipotensão, fibrilação ventricular alterações eletrocardiográficas arritmias e parada cardíaca.

58

Em resposta à hipercalemia, há aumento da secreção de:

Insulina e aldosterona.

59

"Se o paciente hipercalêmico apresentar potássio menor que ________ e sem alterações eletrocardiográficas, pode ser suficiente diminuir a ingesta e suspender as drogas que diminuam a excreção de potássio":

6,5 mEq/L.

60

Se houver alterações eletrocardiográficas ou se o potássio for maior que 6,5 mEq/L, as medidas a serem tomadas:

Administração endovenosa de cálcio, de bicarbonato de sódio, de agonistas beta-adrenérgicos, glicose-insulina, resinas de troca, diálise e mineralocorticóides.

61

"O aumento do _________ extracelular restaura a diferença normal entre o potencial de repouso e o limiar, tornando normal a excitabilidade":

Cálcio.

62

"Sempre que o eletrocardiograma apresentar sinais de hipercalemia, o cálcio é a primeira droga a ser utilizada, pois sua ação é ___________":

Imediata.

63

Como deve ser administrado o cálcio intravenoso?

Sob controle eletrocardiográfico, 10-20 ml de gluconato de cálcio a 10% injetados lentamente.

64

"O cálcio não deve ser administrado em soluções contendo bicarbonato, pois ocorre precipitação de _________________":

Carbonati de cálcio.

65

O que são resinas de troca?

Substâncias administradas por via oral ou retal que promovem a troca de sódio ou cálcio pelo potássio plasmático.

66

Quais as alterações eletrocardiográficas na hipocalemia?

Alargamento do QRS, depressão do segmento ST, diminuição de ondas T e poderá surgir onda U após onda T.

67

Quais as alterações eletrocardiográficas na hipercalemia?

Ondas T altas, pontiagudas nas derivações precordiais, segmento ST deprimido, diminuição de amplitude das ondas R, prolongamento do intervalo PR, ondas P diminuídas ou ausentes e alargamento do complexo QRS com prolongamento do intervalo QT. Pode ocorrer fusão de um complexo QRS com uma onda T, formando uma configuração ondulada ou sinusoidal.

Decks in Medicina Interna Class (194):